Comando do 12º BPM-I reúne policiais das 13 cidades da região

O comandante interino do 12º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM-I), de Botucatu, major Marcelo Oliveira esteve reunido na manhã desta terça-feira (14) com, aproximadamente, 250 policiais que fazem parte da sua área de comando, que agrega 13 Municípios da região.

Durante a reunião realizada no Anfiteatro da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA), na Fazenda Lageado, o comandante fez uma explanação dos trabalhos que vêm sendo desenvolvidos e traçou metas a serem alcançadas em 2012.

Entre os assuntos colocados em pauta, o comandante destacou as conquistas, projetos, reestruturação da unidade, operações especiais, relacionamento com a imprensa, efetivo disponível, conduta, entre outras. “Foi uma troca de experiências e esta reunião geral deverá ser realizada, pelo menos, uma vez por ano. Acho muito importante esse contato entre os policiais, já que na correria do dia a dia isso se torna mais difícil. Aqui (na reunião) todos tiveram a oportunidade de conhecer com mais profundidade as metas que o 12º BPM-I pretende alcançar neste ano e se manifestar para tirar suas dúvidas”, colocou Oliveira.

Também revelou que as operações em datas específicas continuarão sendo realizadas como no carnaval. “Estamos nos aproximando do carnaval a intenção da PM não é tirar o divertimento de ninguém, mas iremos coibir, com rigor, os excessos que forem cometidos. Outra preocupação nossa é com relação aos crimes de embriaguês ao volante, assim como o uso e tráfico de entorpecentes que tendem a aumentar nessa época do ano. Colocaremos nas ruas todo nosso contingente operacional e administrativo para dar segurança ? população”, ressaltou o comandante. “Vamos trabalhar muito para que as pessoas possam se divertir com segurança”, acrescentou.

Como o mais recente reforço para operações especiais o comandante citou o canil da Polícia Militar que começa a operar em Botucatu nos próximos dias. Os dois cães que iniciarão esse trabalho serão apresentados na manhã desta quarta-feira (15) em frente ao prédio do 12º BPM-I. “Esses animais foram submetidos a rigorosos treinamentos e receberam técnicas para ajudar no controle de distúrbios civis, farejo de entorpecentes, rebeliões, revistas em presídios, policiamento em favelas e locais de risco”, conclui o major da PM.

Fotos: Valéria Cuter