Cidadão é preso em flagrante por furto qualificado

Prisão aconteceu após denúncia anônima realizada ao telefone 199, revelando que um indivíduo estava carregando uma TV e oferecendo as pessoas que passavam na rua

 

No início da madrugada desta quinta-feira (25) os guardas civis municipais inspetor Pichinin e os agentes Nogueira, Lourenço e Zambonato,  do Grupo de Ações Preventivas Especiais (Gape), acabaram efetuando a prisão de Jhonny Cardoso dos Santos, de 31 anos.  Prisão aconteceu na Vila Nova Botucatu, após denúncia anônima realizada ao telefone 199, revelando que um indivíduo estaria carregando uma TV e oferecendo as pessoas que passavam na rua.

Os guardas localizaram Jhonny que num primeiro momento alegou estar negociando a TV para um amigo, mas não soube declinar  seu nome. Então, os agentes municipais efetuaram patrulhamento na região e foram alertados por munícipes que um bar estava com a porta arrombada. Durante averiguação verificou-se que existia um suporte de TV e aquela apreendida com o suspeito encaixava perfeitamente no dispositivo. Ainda do lado de fora do estabelecimento havia um capacete e um aparelho receptor de TV a cabo.

O dono do bar reconheceu todos os produtos e o acusado recebeu voz de prisão, antes de ser apresentado junto ao plantão policial, onde o delegado  Geraldo Franco Pires elaborou o Registro Digital de Ocorrência (RDO) de furto qualificado, determinando o encaminhamento do indivíduo junto a Cadeia Pública de Itatinga. Durante o transporte ao plantão o acusado a todo o momento tentava se autolesionar batendo a cabeça no compartimento de preso da viatura, fato este presenciado pela vítima do furto.