Balanço dos sete primeiros meses de 2010 da GCM é positivo

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Botucatu, que tem sede na Rua Vitor Atti, 145 Vila dos Lavradores, divulgou o balanço das ocorrências e atendimentos registrados ao longo dos primeiros sete meses deste ano. E diante dos números, a GCM garante que há de se comemorar os avanços realizados em prol da segurança pública local.

Ao todo, 45 pessoas, já condenadas e foragidas ou que cometeram delitos com flagrante, foram presas. Outros dez veículos furtados também foram recuperados. Mas o destaque ficou por conta das ações contra o tráfico de drogas. Até julho, pouco mais de 2,5 kg de drogas haviam sido apreendidas pela Guarda. O maior flagrante foi registrado no último dia 20 de julho, no Jardim Itamaraty, onde agentes do Grupo de Ações Preventivas Especiais (Gape) recolheram dois tijolos de maconha, que somavam cerca de 2 kg do entorpecente.

“Foram sete flagrantes de tráfico de drogas, quatro deles na região da Cecap, onde também tem sido prioridade dos nossos trabalhos. Em parceria com a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) temos coibido a prostituição no bairro”, comenta o comandante da GCM, Paulo Renato da Silva, lembrando que o telefone para atendimento ao público é o 199 que permanece ? disposição da população 24 horas, todos os dias da semana.

Outras ocorrências que têm diminuído, segundo o comando da Guarda, são as que envolvem a perturbação do sossego público. Até a de deste ano, pouco mais de 700 ocorrências haviam sido registradas neste segmento e que envolvem principalmente bares e repúblicas.

“Antigamente chegávamos a registrar pouco mais de 200 solicitações por mês em relação a perturbação do sossego público. Essa redução só foi possível depois de mapearmos e intensificarmos nossa fiscalização em bares e repúblicas por meio do patrulhamento preventivo. Há de se ressaltar também que todas essas ações foram feitas em parceria com as Polícias Civil e Militar, o que colaborou visivelmente para a diminuição da criminalidade na Cidade”, destaca Silva.

Atualmente a Guarda Municipal vive um período de reestruturação e reconhecimento da sociedade botucatuense. Com um efetivo de 65 agentes, a GCM pretende, neste segundo semestre, reorganizar a abrangência de atuação da corporação. Mais guardas deverão ser direcionados aos Distritos de Rubião Júnior e Vitoriana. O policiamento escolar e nos corredores comerciais da Cidade será reforçado, como também a segurança do Terminal Rodoviário, que em breve contará com um posto da GCM aberto 24 horas.

Em 2010, além de ter dobrado o efetivo, a Guarda Municipal, que registra cerca de três mil atendimentos por mês, recebeu investimentos do Poder Público para a compra de armas de fogo e armas não letais (teaser) de condução elétrica, e para a instalação de câmeras de longo alcance em três pontos da Cidade, o que tem ajudado no controle e prevenção da criminalidade.

{n}Confira os números da GCM até julho:{/n}

• Condenados capturados e presos: 18
• Presos em flagrante delito: 27
• Veículos recolhidos por algum tipo de delito em fiscalizações: 34
• Veículos furtados recuperados: 10
• Ocorrências de perturbação do sossego público: 713
• Auxílios comunitários: 234
• Averiguações de suspeito: 620
• Mediações de conflito: 273
• Ocorrências ambientais: 133
• Atendimento patrulha escolar: 712
• Apreensão de drogas: mais de 2,5 kg de entorpecentes

Fonte: Secretaria de Comunicação
Fotos: arquivo Acontece