Após brigar com esposa, homem atira contra vizinho

O delegado Geraldo Franco Pires (foto) registrou no Plantão Permanente na noite deste domingo a um caso de violência doméstica seguida de tentativa de homicídio ocorrida na Avenida Universitária, região do Jardim Planalto. O nome das pessoas envolvidas não foi divulgado, pois o caso está em investigação.

Segundo aponta o Boletim de Ocorrência (BO) uma mulher de 26 anos chegou de viagem e passou a discutir com o companheiro que estava dentro de um veículo Corsa. Irritado, ele teria arrancado bruscamente com o carro e arrastado a mulher por alguns metros, que ficou com o braço preso na porta do automóvel.

Um vizinho percebeu o entrevero e resolveu intervir para socorrer a mulher. Entretanto, o averiguado sacou de uma arma e disparou dois tiros contra ele, que correu para dentro de sua casa. O autor fugiu em seu carro em alta velocidade sem que seus dois disparos tivessem atingido o alvo.  Com chegada da Polícia Militar as duas cápsulas deflagradas foram localizadas e apresentadas ao Plantão Permanente. O autor do crime está foragido.

 

Violência doméstica

Também foi o delegado Geraldo Franco Pires que determinou o recolhimento à cadeia de um cidadão chamado Jonatas Moreira, por crime de violência doméstica, ocorrida na Rua Moacir Teixeira, Bairro do Lavapés. Prisão foi efetuada pelos policiais militares cabo Fabiana e soldado Teixeira.

No local,  em contato com a mulher, os policiais foram informados de que ela havia sido agredida fisicamente com socos e mordidas por seu amásio. Uma criança de oito meses, filha do casal,  também ficou ferida. O indiciado que estava bastante alterado e agressivo, teria resistido à abordagem.

Casal foi conduzido ao Plantão Policial, onde o delegado, após tomar ciência do fato ratificou a prisão em flagrante de lesão corporal dolosa, enquadrando o autor na Lei Maria da Penha. Arbitrada fiança de R$ 2.500,00, a qual não foi paga e o acusado acabou na cadeia.