Ajudante de verdureiro é preso por crime de furto tentado

Na tarde desta quarta-feira, os policiais militares Eliete e Nivaldo, efetuaram a prisão em flagrante de Ederson de Jesus Moreira de Souza, de 25 anos de idade, na Rua Miguel Alvarenga, região do Bairro Alto. Ele estava trabalhando como ajudante de verdureiro de um comerciante que lhe havia dado emprego, recentemente, e que pediu para que seu nome não fosse divulgado.
Consta no Boletim de Ocorrência (BO) assinado pelo delegado titular do 4º Distrito Policial (DP), Márcio Sagin de Campos que Souza, a pedido do verdureiro, foi fazer entrega de verduras em uma residência. Ele entrou e deixou os produtos na cozinha. Antes de ir embora apanhou um aparelho de telefone celular que estava em cima da mesa.

Quando a mulher deu pela falta do telefone, acionou a polícia dando a descrição da última pessoa estranha que havia entrado na casa. Em patrulhamento os policiais localizaram a perua de verduras e ao questionar o ajudante que teria entrado na casa, o mesmo negou a autoria do crime. Entretanto, o telefone celular furtado acabou localizado no bagageiro da perua de verduras. Não bastasse isso, foi reconhecido pela vítima.

Após prestar depoimento Souza acabou indiciado em crime de furto tentado e recolhido ? Cadeia Pública local. O proprietário da perua de verduras esteve na delegacia e se mostrou muito chateado com a situação, já que a mulher que foi furtada era sua freguesa.

“Ele me pediu emprego de ajudante e eu acolhi. Infelizmente, aconteceu essa situação que me deixou bastante chateado. Sempre procurei trabalhar certinho, pois quem vive do comércio tem que deixar o cliente satisfeito. Só posso pedir desculpas por tudo isso que aconteceu”, comentou o verdureiro que pediu para não ter o nome publicado.

Fotos: Macaru