Adolescente é flagrado dirigindo em alta velocidade

Os policiais militares Anderson e Delecrode atenderam a uma ocorrência que gerou muita repercussão em Botucatu. Um adolescente de 17 anos de idade que havia “emprestado” o carro de um amigo estava trafegando pelas ruas da Cohab I, levando um companheiro (de 18 anos) no banco de passageiro. Quando percebeu a chegada da viatura da PM que estava em patrulhamento pelo local, passou a dirigir em alta velocidade.

Chegando a uma velocidade acima dos 110 km/h, o adolescente infrator ultrapassou vários cruzamentos, desrespeitando as placas de sinalização, passando em frente de duas escolas em horário de saída dos alunos. Quando atingiu a Rua Amando de Barros, região central da cidade, o capô do veículo de abriu, dificultando sua visão. Foi então que o adolescente resolveu estacionar o carro, depois de, aproximadamente, oito minutos de fuga. Os dois desceram com as mãos na cabeça. Só então os PMs descobriram que o condutor era adolescente.

“Quando ele viu a viatura arrancou em alta velocidade e nós passamos a perseguir, pois imaginamos que a dupla havia cometido um crime grave como um roubo ou sequestro e passamos as informações para outras viaturas. Somente quando se entregou, colocando as mãos na cabeça constamos que se tratava de um menor de idade”, lembra o policial Emerson.

O adolescente foi conduzido ? Central I de Polícia Judiciária onde o delegado Marcelo Lanhoso de Lima confeccionou o Boletim de Ocorrência (BO) de ato infracional de desobediência e velocidade incompatível com via. Ao delegado o adolescente, que já havia sido flagrado conduzindo motocicleta pela PM, ressaltou que fugiu ao ver a viatura, por não ter habilitação e havia pegado o carro de um amigo sem pedir permissão. Os dois foram ouvidos na delegacia e liberados.

Fotos: Reprodução TV Tem