Adolescente é apreendido traficando na Cohab I

Flagrante de tráfico de entorpecentes. Foi neste crime que um adolescente de 16 anos de idade, já bastante conhecido nos meios policiais, foi sindicado após ser apreendido pelos e agentes Trombaco, Adeilson e Rezende, da equipe do Grupo de Ações Preventivas Especiais (GAPE) da Guarda Civil Municipal (GCM). O operação se deu na Praça Jorge Bruder, região da Cohab I.

Em patrulhamento preventivo pelo local a equipe se deparou com o rapaz que ao avistar a viatura empreendeu fuga, mas foi perseguido e apreendido. Na revista pessoal foi localizado no bolso de sua bermuda um invólucro contendo 10 pedras de crack embaladas em plástico transparente, bem como R$ 10,00 em dinheiro e um aparelho celular.

Indagado informou que traficava no local e o dinheiro encontrado com ele é oriundo de vendas de pedras de crack. Prosseguindo a averiguação a equipe se deslocou até a residência do sindicado e com a autorização de sua genitora, foram realizadas buscas e no quarto os agentes localizaram dentro de uma caixa de sapato, debaixo de sua cama, mais quatro pedras de crack e R$ 60,00 em dinheiro, além de 30 saquinhos plásticos semelhante aos saquinhos em que as drogas encontradas estavam embaladas.

Juntamente com seu genitor o adolescente foi conduzido ao Plantão Permanente onde a autoridade policial civil tomou ciência do ocorrido e elaborou o Boletim de Ocorrência (BO) de natureza ato infracional/tráfico de entorpecentes, sendo o acusado encaminhado ? Cadeia Pública de São Manuel, permanecendo ? disposição do juiz da Vara da Infância e Juventude.

{n}Encontro de entorpecente{/n}

Em outra operação, desta feita efetuando patrulhamento de rotina pela Rua Carlos Guadanini, na Chácara dos Pinheiros a GCM foi informada por populares que um veículo Monza encontrava-se há cerca de três dias no lugar. Na verificação constado que suas portas estavam apenas encostadas e não travadas.

Em vistoria superficial foi encontrado, no porta-luvas, uma porção de maconha, bem como uma torneira hidráulica adaptada, possivelmente, para o uso de crack. O veículo permaneceu no local, pois estava regularmente estacionado e nada foi constatado de irregular. O entorpecente foi apresentado a Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE), junto ao apetrecho.