12º BPM-I, promove campanha para alunos em férias

O período de férias escolares deste ano serão marcadas pela Campanha Férias Legais, promovida pelo 12º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I), com objetivo de divulgar ao público jovem de dicas de segurança contra acidentes durante o período de férias escolares.

Policiais das equipes da Ronda Escolar do 12º BPM/I que atuam nos programas de prevenção criminal juvenil estão percorreram escolas municipais, estaduais e particulares de Botucatu levando informações sobre segurança ciclística, o perigo envolvendo brincadeiras com fogos de artifício e com o uso de cerol.

Como se sabe, durante os meses de junho e julho, coincidentes com as férias escolares, e este ano agosto para as escolas municipais, a incidência de acidentes com bombas, cerol e bicicletas tende a aumentar.

Nesse período, os Policiais Militares Pontes, Benedito, Cristina, Aline, Tibúrcio, Ocampos, Thomé e Fabiana estão entregando panfletos explicativos com informações importantes, tais como: técnicas para se evitar quedas, colisões e atropelamentos; perigos ao se jogar bola na rua; riscos de acidentes em rios e praias, além de queimaduras com fogos de artifícios e ferimentos causados por linha com cerol.

Com relação ? prevenção de acidentes envolvendo bicicletas, os policiais militares receberam instruções de especialistas em segurança ciclística, que fizeram o curso específico na Polícia de Miami, Estados Unidos. Nos meses de junho, julho e agosto, é comum haver um aumento nos casos de acidentes envolvendo crianças e adolescentes, em quedas de bicicletas, afogamentos, queimaduras e cortes.

“A Polícia Militar sempre atuou nas atividades de caráter preventivo, como é o caso dos programas PROERD (Programa Educacional de Prevenção ao uso de Drogas e Violência) e Jovens Construindo a Cidadania (JCC). A prevenção criminal e de acidentes são ações pertinentes ? s atividades desenvolvidas por nós, pois, objetiva evitar futuros dissabores quando o jovem atingir a maioridade”, colocou o comandante do 12º BPM/I, tenente coronel Ben-Hur Baptista. “É evidente a importância de transmitirmos aos jovens as orientações preventivas, de forma a evitar seu futuro envolvimento com o crime, violência ou quaisquer outros tipos de conduta antissocial”, acrescentou o comandante.

A confecção das cartilhas deu-se em parceria com a Prefeitura Municipal de Botucatu, por meio das Secretarias da Educação, Meio-Ambiente, Turismo, contando ainda com o apoio da iniciativa privada.

No dia 8 de julho, no CEPRA, a Polícia Militar lançou a campanha de prevenção de acidentes com fogos de artifícios, com a simulação da explosão de um vaso sanitário e ferimentos nas mãos.

A previsão é de que até o final deste semestre, 29 escolas recebam a visita dos policiais militares. As palestras serão dirigidas aos alunos do quinto ano, com a expectativa de se tornarem multiplicadores das informações junto aos familiares. O idealizador do conteúdo da cartilha, Waldemar Aplausos, conhecido em Botucatu pelo destaque na prática do ciclismo, mostrou-se satisfeito com a iniciativa e está otimista quanto aos resultados.

{n}Curso Police Cycling{/n}

Em 1996, policiais militares de São Paulo estiveram na cidade de Miami, no Estado da Flórida, Estados Unidos, onde participaram de diversas atividades. Em decorrência desta visita, foi firmado convênio com a polícia de Miami, que proporcionou a realização, no Brasil, do curso denominado Police Cycling.

Assim, em 1999, três policiais da Unidade de Ciclismo Policial do Miami – Dade Police Department, mais precisamente, tenente Thamy Gonzales, sargento Tony Valdez e soldado Carlos Rosero, vieram a São Paulo e Bauru, para ministrar o curso a 40 policiais militares de São Paulo e Minas Gerais. A Unidade de Policiamento Ciclístico da Polícia de Miami é tradicional nos EUA e considerada uma das mais eficientes do país. São cerca de 150 ciclistas que atuam na segurança da orla marítima, centros comerciais e Aeroporto Internacional de Miami.

{bimg: 24670:alt=interna1:bimg}