12º BPM-I de Botucatu passa por mudança no comando

Fotos: Valéria Cuter

Em razão de sua recente promoção a coronel, Wagner Tardelli está deixando o comando do 12º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM-I), de Botucatu que agrega 13 municípios da região para assumir a Escola de Sargentos da Polícia Militar de São Paulo, um dos mais altos cargos da PM paulista. A promoção de Tardelli, assim como seu desligamento do 12º BPM-I, já foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).

Na manhã desta sexta-feira (24) o novo coronel da PM se despediu dos soldados e oficiais do 12º BPM-I em clima de grande comoção. Em seu discurso agradeceu a todos que nos últimos meses atuaram sob seu comando. “Sinto-me orgulhoso de ter comandado uma tropa como esta. Levo de Botucatu as melhores recordações e apreço. Estarei sempre ? disposição de vocês”, disse o coronel.

Para o lugar do coronel Tardelli no comando do 12º BPM-I, foi nomeado o vice-comandante Jorge Duarte Miguel que era major e foi promovido a tenente coronel. Ele já tem experiência no cargo, pois já assumiu o comando interino por várias vezes.

“Fico muito feliz com a promoção do coronel Tardelli que sempre foi companheiro e um profissional da mais alta competência. Por isso, minha responsabilidade como comandante em dar prosseguimento a esse trabalho é muito grande. Mas, como o próprio coronel afirmou, essa tropa é especial, muito profissional e competente”, declarou o tenente coronel.

Jorge Miguel adiantou que irá dar continuidade a parceria com a Polícia Civil e Guarda Civil Municipal (GCM) em operações para coibir a criminalidade para que Botucatu continue sendo uma das cidades mais seguras para se viver. “As forças de Segurança vão continuar atuando juntas em diversas operações pela Cidade para combater o inimigo comum da sociedade que é o criminoso e fazer com que essa estatística de município seguro permaneça”, frisou o novo comandante do 12º BPM-I.

Com a promoção de Jorge Miguel a tenente coronel, a vaga no sub-comando do 12º BPM-I, deverá ser suprida, oportunamente, pela capitão Kátia Regina Christófalo que está na reta final da conclusão de seu curso de major e já exerceu, interinamente, a função. A promoção da capitão deverá acontecer no segundo semestre deste ano.

Outra mudança no 12º BPM-I foi a saída do tenente Marcelo Silva da chefia do Setor de Relações Públicas. Ele foi promovido a capitão e deverá assumir outra função dentro da PM de acordo com o que seu novo cargo exige, possivelmente, numa outra Cidade. Para seu lugar deverá assumir um tenente que ainda não foi nomeado.

Em outros departamentos da 12º BPM-I não houve mudanças. No comando do Setor de Operações Especiais (P-5) permanece o capitão Aleksander Lacerda e a 1ª Companhia continuará com o capitão José Semensati Júnior no comando.