“Pateta” efetua disparo contra pescoço de desafeto

Fotos: Valéria Cuter

Ivan Souza Neto, de 31 anos de idade, conhecido como “Pateta” está sendo apontado como o autor de uma tentativa de homicídio cometida contra Samuelson Soares da Rocha, de 37 anos, depois de uma discussão. Ambos são conhecidos nos meios policiais. A vítima foi atingida por um disparo de arma de fogo (revólver calibre 38) que atingiu o seu pescoço.

Aponta o Boletim de Ocorrência (BO) confeccionado no Plantão Permanente pela delegada Ana Carolina de Brito, que por volta das 20 horas desse domingo os policiais militares cabo Tavares e soldado De Moraes estiveram na Rua José Maurício de Oliveira, nº 100, na Cohab I, para atender a denúncia de uma tentativa de homicídio.

Ao aportarem ao local os policiais militares constataram que a vítima, em estado grave, já havia sido socorrida pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) e que o autor do crime havia fugido. De Moraes e Tavares receberam de testemunhas, as características do acusado, assim como as roupas que estava vestindo.

Patrulhando pelas imediações os policiais perceberam quando o suspeito pulou um muro e entrou em uma casa em obras. A perseguição foi feita e ele acabou sendo detido em um dos cômodos. Embora tenha negado o crime, Pateta recebeu voz de prisão e foi recolhido ? Cadeia Pública local. Samuelson foi internado no Hospital das Clínicas (HC) da Unesp e permaneceu internado em estado grave.

A arma do crime não foi localizada, mas a polícia não tem nenhuma dúvida de que o autor do homicídio tentado foi mesmo o Pateta, embora tenha negado a autoria. O que está sendo investigado são os motivos que ocasionaram o crime.