“Operação Traquinas” deflagrada em diferentes pontos da cidade

15 viaturas da Polícia Civil e outras 15 da Polícia Militar envolvendo, aproximadamente, 60 homens fortemente armados, espalhados por diversas regiões da cidade. Foi essa a “Operação Traquinas” desencadeada na tarde desta sexta-feira, sob o comando do delegado seccional de polícia, Antônio Soares da Costa Neto (foto).

Segundo o delegado seccional, que é responsável pelo comando de 13 municípios da região, a operação que cumpriu seis mandados de busca sendo quatro em residências e dois em empresas é uma sequência do trabalho que foi iniciado com a prisão dos sócios proprietários da Boate Garage, na Avenida Dante Delmanto.

“Sabemos que eles chefiam uma quadrilha que tem ramificação na cidade e estão envolvidos em crimes como roubo de cargas e tráfico de entorpecentes. Fizemos um mapeamento e fomos fiscalizar pessoas que têm ligação com esses dois elementos que estão presos. Já foram presos vários integrantes dessa quadrilha”, frisa Costa Neto.

Na operação foram apreendidos 60 pneus de caminhão, dois computadores que serão periciados, grande quantidade de documentos que também passarão por uma perícia, assim com o R$ 600 mil em cheques preenchidos em diferentes valores que foram apreendidos na ocasião da prisão dos dois empresários, juntamente com um quilo e 200 gramas de maconha.

O seccional adianta que outras operações serão feitas pelo Setor de Inteligência da Polícia Civil. “Já prendemos 11 pessoas que fazem parte dessa ramificação criminosa e outras serão presas, oportunamente. Além disso, apreendemos maconha e cocaína. Todas as pessoas presas são ligadas aos proprietários da boate”, garante Costa Neto. “Por isso o trabalho não para e outras operações com esta serão desencadeadas nas próximas horas. Temos outros mandados de busca e apreensão a cumprir”, complementou o delegado seccional.

Foto: arquivo