“Gato” pode ter gerado incêndio no Bairro Boa Vista

Fotos: Valéria Cuter

Mercedes Hernandez, uma senhora com mais de 60 anos de idade, passou por um grande susto na noite deste domingo em sua casa na Rua Carlos Corsi, nº 55 região do Bairro da Boa Vista. Ela estava assistindo televisão quando sentiu um forte cheiro de borracha queimada e percebeu fumaça vinda de dois cômodos que fazem divisa com sua casa. Os policiais do Corpo de Bombeiros foram acionados e controlaram fogo, impedindo que se alastrasse pelas casas vizinhas.

“Foi um susto muito grande e quando os bombeiros chegaram foram direto para o corredor e chegaram até os cômodos para apagar o fogo, onde moram duas pessoas que naquela hora não estavam na casa. Como (a casa) é muito antiga o fogo se alastrou muito rápido e chegou até o banheiro de minha casa e destruiu a rede elétrica, me deixando sem energia”, conta a mulher.

Após a conclusão do trabalho do Corpo de Bombeiros, a Polícia Técnica Científica esteve no local para coletar dados que possam detectar as causas do incêndio. Investigações preliminares apontam um curto circuito como a hipótese mais provável do incêndio já que a instalação onde o fogo teve início é precária, não sendo um trabalho técnico. A instalação feita nessas condições é conhecida, popularmente, como “gato”.