Secretaria anuncia investimento de R$1,2 milhão em Laranjal Paulista

Foto: João Luiz

Um dos maiores benefícios, na opinião dos produtores que visitaram o local, foi a construção de uma sala para a realização de palestras e reuniões, que ampliará a capacidade de atendimento da Casa para até 25 pessoas
 

Os produtores de Laranjal Paulista terão melhores condições de usufruir dos serviços da Casa da Agricultura, administrada pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati), instalada no município para esclarecer dúvidas, buscar assistência junto a engenheiro agrônomo e veterinário e buscar alternativas para aumentar sua produção. A instituição foi reformada e inaugurada no dia 21 de janeiro de 2016 pelo secretário Arnaldo Jardim, com a presença de grande número de agricultores da região.

A reforma incluiu a renovação das instalações elétrica e hidráulica, pintura e substituição de piso. Um dos maiores benefícios, na opinião dos produtores que visitaram o local, foi a construção de uma sala para a realização de palestras e reuniões, que ampliará a capacidade de atendimento da Casa para até 25 pessoas.

Detentor do título de “Cidadão Laranjalense”, Arnaldo Jardim comemorou as benfeitorias realizadas na Casa da Agricultura. "Mais do que a entrega de um prédio, queremos que este local seja pleno de atividades, para que haja a troca de ideias e de informações que beneficiem o pequeno produtor. Precisamos dar força ao pequeno, por isso atribuiremos enfoque ao Projeto de Desenvolvimento Rural Sustentável – Microbacias II – Acesso ao Mercado. Também é determinação do governador Geraldo Alckmin retomar as compras diretas dos pequenos agricultores familiares pelos órgãos públicos, por meio de inicativas como o Programa Paulista da Agricultura de Interesse Social (Ppais)", afirmou o secretário.

O secretário anunciou que o município também será beneficiado com recursos na ordem de R$ 1,2 milhão do Governo do Estado, que por meio do Projeto de Desenvolvimento Rural Sustentável – Microbacias II – Acesso ao Mercado possibilitará a construção de galpão para o beneficiamento, secagem e armazenamento de grãos e fábrica de rações. Com a ação, 67 produtores da Associação dos Produtores Rurais de Laranjal Paulista (Asplapa) terão condições de melhorar sua produtividade e renda.

De acordo com o prefeito de Laranjal Paulista, Heitor Camarin Junior, pelo fato de ser um município onde predomina a agricultura familiar, o apoio público, tanto da prefeitura quanto do Governo do Estado são essenciais para o  desenvolvimento dos produtores. "A reforma da Casa da Agricultura atenderá o produtor rural com maior qualidade, será mais uma ferramenta de trabalho. A agricultura tem sido o baluarte do País, graças ao esforço abnegado dos nossos produtores", concluiu.

O diretor técnico da Cati Regional de Botucatu, Claudio Vivan, ressaltou que das 24 Casas da Agricultura reformadas no Estado, cinco delas, incluindo a de Laranjal, estão localizadas na região. “Parabéns aos produtores, que terão uma Casa com melhor acessibilidade, instalações para fazer reuniões e palestras, o que certamente trará melhorias no atendimento”.

 

Apoio ao produtor

Visitando pela primeira vez a Casa desde a conclusão da reforma, a produtora de hortaliças e goiaba orgânicas, Lucília Maria de Faria Góes, aprovou a iniciativa. “O espaço ficou clean, moderno e traz um novo ânimo para quem frequenta a instituição”. A assistência técnica é um dos recursos que ela mais utiliza.

“Temos recebido bastante apoio na questão da agricultura familiar, por meio de cursos com especialistas, inclusive vindos de outros locais”, observou Lucilia, que fornece alimentos para a merenda escolar e comercializa na feira de agricultores realizada aos sábados na praça da cidade.

Augusto Rodrigues Filho, que faz parte da terceira geração de agricultores na família a cultivar cana e milho e criar frango, utiliza com frequência os serviços da Casa. “Só tenho elogios à equipe, pois sempre que eles fazem alguma articulação, seja uma palestra ou curso, sempre nos convidam para participar”, afirmou.

Para o presidente da Asplapa, Aparecido Donizeti Regonha, “o apoio da equipe da Casa da Agricultura e da Cati tem sido muito importante, especialmente para conquistar as melhorias por meio do Projeto Microbacias II, que tem ajudado os nossos associados a crescerem”.

Também estiveram presentes no evento o vice-prefeito da cidade, João Batista Bado Junior, o presidente da Câmara Municipal, Nilso Ventris, o deputado estadual Fernando Cury e o secretário municipal da Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente, Antonio Carlos Barijan, bem como representantes de associações e cooperativas da região.

Da Assessoria