Profissionais das creches em Lençóis Paulista passam por formação

Os funcionários das creches municipais de Lençóis Paulista passaram por formação nesta sexta-feira. O trabalho ocorre quatro vezes ao ano e possibilita aperfeiçoar a atuação da equipe e discutir as principais temáticas que envolvem as crianças com idade até 3 anos.

Mais de 200 profissionais estiveram reunidos na EMEF Esperança de Oliveira para participar das oficinas, entre monitores de creches, estagiários, agentes de conservação e limpeza e equipes responsáveis pela alimentação escolar nas unidades.

 

Formação para agentes

Também os agentes escolares e de limpeza das escolas municipais de Lençóis Paulista participaram de uma formação com o tema “Um novo olhar sobre o atendimento ao público: cuidar”. É o segundo encontro de um programa sólido de formação destinado a essa categoria de profissionais, estruturado pela Diretoria Municipal de Educação.

O programa foi criado para que esses servidores também tenham momentos para refletir sobre o trabalho realizado, com foco no aperfeiçoamento do serviço oferecido, como há tempos já ocorre com os professores, equipes de gestão e profissionais que atuam nas creches.

 

Espetáculo de dança

Outra atividade da cidade foi receber espetáculo de dança contemporânea e música ao vivo “Cidade”, promovido pelo Grupo OMSTRAB, de São Paulo. O espetáculo apresenta um mapeamento da cidade de São Paulo – enquanto uma entidade viva, pulsante – suas regiões, seus sons, seus gestos e principalmente suas pessoas, formadoras do mosaico cultural que a capital é hoje.

As situações da coletividade com seus sons, imagens e acontecimentos são os geradores da criação, atuando como motivadores para a experimentação do movimento, da música, dos elementos cenográficos e de suas relações. No palco, bailarinos e músicos encenam o dia a dia do paulistano.

Com direção do bailarino e coreógrafo Fernando Lee, direção musical do percussionista Eder O Rocha (Mestre Ambrósio), direção de arte de Rodrigo Araújo (Bijari), direção de vídeo de Osmar Zampieri, ensaio fotográfico de Gal Oppido e figurino de Adriana Vaz Ramos, o OMSTRAB investiga a cidade, revelando situações e sonoridades presentes na metrópole.