Prefeito de Macatuba discute situação da energia elétrica na cidade

Entre os vários temas do encontro, o prefeito e o diretor da CPFL conversaram sobre as quedas de energia elétrica nos perímetros urbano e rural de Macatuba, ocorrências que incomodam a população

 

O prefeito de Macatuba, Tarcisio Abel, recebeu em seu gabinete na tarde desta segunda-feira, dia 11 de janeiro, o empresário Antonio Pedro Paludetto (da ICC, empresa que no ano passado se instalou no prédio da antiga Cerâmica Savane), o vereador Norberto José Gabani e o diretor regional interino da CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz), Luiz Antonio de Campos, para uma reunião de trabalho. Entre os vários temas do encontro, o prefeito e o diretor da CPFL conversaram sobre as quedas de energia elétrica nos perímetros urbano e rural de Macatuba, ocorrências que incomodam a população.

Tarcisio pediu à CPFL explicações técnicas para incidência de interrupções no fornecimento de energia elétrica, principalmente nos períodos chuvosos, e providências para melhorar o atendimento à população macatubense. Como está no cargo interinamente, Campos anunciou que será feito um levantamento específico para o caso de Macatuba nos últimos meses e que, em seguida, será elaborado um plano de ação para combater o problema em suas causas.

Comentando sobre o cenário macrorregional, Campos lembrou que os últimos meses de 2015 foram atípicos devido a fatores atmosféricos e climáticos. Segundo ele, houve uma combinação de estiagem prolongada seguida de temporais fortes que danificaram a rede, provocaram quedas de árvores e outros fatores que interferiram no abastecimento de energia elétrica de diversas cidades. Sobre o caso de Macatuba, a avaliação será apresentada após o estudo específico para o município.

Na reunião também foram tratados assuntos como expansão da rede de iluminação pública em áreas urbanas de Macatuba que aguardam essa benfeitoria, ações da CPFL para atender à demanda própria da ICC, instalação da ligação-padrão definitiva no prédio da Creche Escola I no Jardim Bocaiúva e Jardim América (que está em fase de finalização da obra) e outros serviços requisitados pelo município à Companhia Paulista de Força e Luz. “Tivemos uma reunião muito produtiva, com diversos temas abordados diretamente junto à CPFL. Temas como iluminação e segurança públicas, atendimento às demandas do setor público e ações de incentivo ao desenvolvimento da atividade industrial”, confirmou o prefeito.