Cetesb autoriza instalação do novo Distrito Industrial de São Manuel

A documentação foi entregue esta semana ao chefe do Executivo sãomanuelense durante uma reunião com o gerente regional da Cetesb, Carlos Augusto Mendes

 

O prefeito de São Manuel Marcos Monti, conquistou junto a Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb), a licença prévia de loteamento e licença de instalação do novo Distrito Industrial de São Manuel. A documentação foi entregue esta semana ao chefe do Executivo sãomanuelense durante uma reunião com o gerente regional da Cetesb, Carlos Augusto Mendes. O encontro, que ocorreu em Botucatu, contou com a presença do vice-prefeito Pedro Biandan e do Diretor de Indústria e Comércio Saulo Brombini.

O terreno para a construção do Distrito Industrial foi adquirido em 2013, agora, com as licenças, a previsão é de que as obras no local tenham início nas próximas semanas. Com o objetivo de iniciar as obras o mais rápido possível, reuniões entre a Prefeitura de São Manuel, Sabesp e a empresa vencedora da licitação das obras de infraestrutura.

Uma parceria entre o Município e a Sabesp garantirá a instalação da rede de água e esgoto. “A Prefeitura entrará com os trabalhos de escavação e a empresa de saneamento com o material. Com isso, essa etapa não trará custos aos cofres públicos”, diz Wilson Sakamoto, Diretor Municipal de Obras.

Para a construção do novo Distrito Industrial, algumas árvores terão que ser retiradas do local, mais precisamente 233. “Assumimos uma responsabilidade junto a Cetesb, e seguiremos a risca o que foi nos passado, para cada árvore retirada do local, iremos plantar outras 25”, comenta o Diretor de Agricultura e Meio Ambiente, Luiz Eduardo Ricardo.

O resultado dessa compensação será positiva para o Meio Ambiente, no total serão plantadas no município 5.825 novas árvores. “São árvores nativas da Mata Atlântica que já existem em nosso horto”, complementa Eduardo. O novo Distrito Industrial contará com 60 lotes e os terrenos serão destinados única e exclusivamente a indústrias que queiram investir no município, gerando assim os empregos que a população tanto anseia.

Vale lembrar que dos 13 municípios que compõe a área de atuação da Cetesb, regional de Botucatu, apenas duas cidades obtiveram a liberação da licença para a construção de um Distrito Industrial. A primeira foi Cesário Lange e a segunda é São Manuel. “Essa informação que tivemos durante a reunião engrandece ainda mais o trabalho e a dedicação de toda a nossa equipe, que lutou incansavelmente para esta grande realização, a implantação do novo Distrito Industrial de São Manuel”, colocou Marcos Monti. 

O terreno onde será construído o novo distrito possui 11 alqueires, aproximadamente 284 mil metros quadrados, e foi adquirido no ano de 2013 com recursos da própria Prefeitura. O investimento para a compra foi de aproximadamente R$ 2,3 milhões. Caberá a Prefeitura fazer a instalação da rede de energia elétrica e os recursos já estão depositados para essa infraestrutura.

Em 2014, atendendo a uma solicitação do prefeito Marcos Monti e do deputado federal Milton Monti, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, esteve em São Manuel assinando um convênio de R$ 2 milhões para a realização de obras de infraestrutura no local. Desse montante, 50% desse recurso já depositado na conta da Prefeitura e teve rendimento aproximado de 10%. Ele será utilizado para o asfaltamento das ruas, avenidas e construção de guias e sarjetas. As obras devem começar nas próximas semanas.