Senac Botucatu dá dicas de como gastar o 13º salário

As últimas semanas do ano são as mais aguardadas por boa parte dos trabalhadores em função do 13º salário. O dinheiro costuma ser destinado aos presentes de Natal, mas também pode ser usado para saldar dívidas ou conseguir descontos com o pagamento à vista. Para os docentes Renan Marcolin Nicolau e Tamires Gomes da Silva, da área de administração e negócios do Senac Botucatu, é importante fazer uma reserva para os gastos extras.

 “Antes de usar gastar o 13º salário, o trabalhador deve avaliar sua situação financeira, verificando se possui dívidas pendentes ou futuras. Depois, é importante traçar um planejamento financeiro levando em conta o que se pretende gastar ao longo do ano seguinte”, avalia Nicolau.

Ele explica que, para quem possui dívidas, a melhor dica é usar o benefício para saldá-las, evitando o acúmulo de juros. “Quem não tem débitos pendentes pode fazer uma reserva financeira para o caso de imprevistos. Outra opção é aplicar o dinheiro em renda fixa ou variável”, diz.

Uma das dicas para não cair na tentação de gastar o dinheiro de forma precipitada é lembrar das despesas previsíveis no começo do ano, como IPVA, IPTU, matrícula e materiais escolares dos filhos. “O trabalhador deve considerar que, ao parcelar o pagamento desses impostos, o valor pode ser maior do que se eles fossem quitados à vista”, aponta Tamires Silva.

Enfatiza que se a compra for inevitável, o dinheiro extra também pode trazer benefícios. “Nesse caso, o trabalhador deve usar o dinheiro vivo em seu favor, pesquisando e pechinchando até conseguir a melhor oferta possível”, afirma ela.

Para quem deseja se aperfeiçoar na área de administração financeira, o Senac Botucatu está com inscrições abertas para a o curso Técnico em Administração. A capacitação ensina a executar, coordenar e avaliar os ciclos de gestão dentro das diversas áreas das empresas. As aulas acontecem entre abril de 2015 e maio de 2016. As inscrições podem ser feitas pelo site www.sp.senac.br/botucau e outras informações podem ser obtidas pelo telefone (14) 3112-1150.