Produções das oficinas do “Botuáfrica” na reta final

Os trabalhos de produção das oficinas gratuitas do projeto “Botuáfrica”, realizada pela Assessoria Municipal de Políticas de Promoção da Igualdade por meio de convênio com o Instituto Botucatu, entram na reta final. As atividades tiveram início no final de novembro de 2011 e seguem até dia 3 de fevereiro deste ano.

O “Botuáfrica” surgiu em 2010 e visa a formação de grupos de trabalhos para criar e produzir arte, moda e design, por meio de diversas oficinas focadas e inspiradas na cultura africana.

As oficinas desenvolvidas são as seguintes: criação de iconografia e técnica de estamparia em tecido; técnica de impressão em papel e tecido; costura e montagem de figurinos na temática africana; bordado e criação de acessórios. Elas contam com a participação de 16 mulheres e são ministradas por oito profissionais voluntárias.

De acordo com a assessora municipal de Políticas de Promoção da Igualdade, Conceição Vercesi, o grupo de mulheres participantes das oficinas tem se dedicado muito aos trabalhos. “Elas são fabulosas, apesar da árdua tarefa durante o dia chegam com toda a disposição e alegria para as oficinas. Também não posso deixar de mencionar o apoio da direção da escola Nair Amaral, das secretarias municipais e voluntários que têm colaborado para o desenvolvimento dos trabalhos”, comenta.

Ainda segundo Vercesi, após o término das atividades em fevereiro, será realizado um workshop com depoimentos das participantes e exposição dos produtos produzidos durante as oficinas.