Pós-Graduação da FMVZ/Unesp celebra Jubileu de Prata

O professor José Paes de Almeida Nogueira Pinto, diretor da FMVZ apresentou alguns números do Programa, que até hoje já gerou 221 teses, 378 dissertações, com um total de 559 egressos

 

Com uma programação especial, o Programa de Pós-graduação em Zootecnia da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) da Unesp, câmpus de Botucatu, comemorou seus 25 anos de atividades no Salão Nobre do prédio central da Zootecnia, na Fazenda Lageado.

Aconteceram as palestras “Redação de artigos científicos”, ministrada pelo professor José Eurico Possebon Cyrino, da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq) e “Desafios Atuais para a Pesquisa”, com o professor Marcos Macari, da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV), câmpus de Jaboticabal e reitor da Unesp de 2005 a 2008. No mesmo período, aconteceu uma sessão de apresentação dos trabalhos desenvolvidos no Programa.

A Cerimônia Comemorativa contou com as presenças dos professores José Paes de Almeida Nogueira Pinto, diretor da FMVZ (foto); José Roberto Sartori, coordenador do Programa de Pós-graduação em Zootecnia da FMVZ; Sony Dimas Bicudo, do Departamento de Reprodução Animal e Radiologia Veterinária e assessor da Pró-Reitoria de Pós-Graduação da Unesp, representando o pró-reitor Eduardo Kokobun e Marcos Inácio Marcondes, coordenador adjunto de mestrado profissional da área de Zootecnia e Recursos Pesqueiros junto à Capes.

Foi apresentado alguns números do Programa, que até hoje já gerou 221 teses, 378 dissertações, com um total de 559 egressos. O coordenador ressaltou aspectos atuais, dentre eles, a internacionalização das atividades. Segundo ele, de 2013 até hoje, 51 pesquisadores estrangeiros visitaram o Programa e foram ministradas 22 disciplinas de tópicos especiais.

Apesar das dificuldades o professor ressaltou as ações realizadas para manter e, possivelmente, ampliar a qualidade das pesquisas desenvolvidas e o conceito do Programa, tais como: a busca por publicações em periódicos de maior impacto; treinamento em redação científica e o incentivo aos alunos para a participação em estágios no exterior.

O professor Sartori também fez questão de saudar todos os que colaboraram com o desenvolvimento do Programa. “Hoje é um dia de festa. Para quem viveu as épocas anteriores, é uma satisfação ver o que temos hoje, nossa capacidade de produção científica e a representatividade de nossos trabalhos no Estado de São Paulo, no Brasil e até internacionalmente. Crescemos graças ao apoio e a dedicação de docentes, alunos e servidores técnico-administrativos”.

O professor Macari também saudou todos os participantes do Programa. “Tenho a certeza de que essa evolução continuará crescente. Os alunos que estão aqui, no futuro, vão continuar, com dedicação e perseverança, a fortalecer a FMVZ e a Unesp como um todo”.

Em nome da Capes, o professor Marcondes parabenizou o Programa. “O conceito 6 mostra o comprometimento de todos os docentes e a qualidade dos alunos. Parabenizo a equipe da FMVZ e a Unesp”. Marcondes fez uma minuciosa apresentação abordando temas de grande interesse para alunos e docentes, tais como: o que é e como funciona o Qualis, explicações sobre o fator de impacto dos periódicos, orientações sobre publicação, ineditismo, senso crítico e cuidados com os periódicos predatórios.

O professor Bicudo traçou um breve histórico e um panorama atual da pós-graduação na Unesp. Segundo ele, Universidade conta atualmente com 141 programas de pós-graduação através do quais já aconteceram cerca de 40 mil defesas e os pós-graduando representam hoje um quarto dos estudantes unespianos. Aos colegas do PPG Zootecnia, ele saudou. “Que todas as conquistas que esse Programa teve até hoje sejam motivadoras para a superação das dificuldades atuais. Parabéns a todas as pessoas envolvidas nessa trajetória”.

Após as homenagens e as premiações (ver relação abaixo), o professor José Paes de Almeida Nogueira Pinto, também deixou sua mensagem aos presentes. “Chegar a esse conceito 6 é difícil e mantê-lo também é um desafio constante. Isso foi conseguido com muito empenho do corpo docente e discente. É com enorme alegria que estou aqui como diretor da Faculdade neste momento especial. Desejo muito sucesso e felicidades a todos os que participaram deste Programa”.

 

Homenagens

– professora Marilza Vieria Cunha Rudge, vice-reitora da Unesp, pelo apoio incondicional recebido enquanto pró-reitora de pós-graduação de 2005 a 2012 e, atualmente, como vice-reitora;

– professor Marcos Macari, pela contribuição ao Programa como docente, pró-reitor de Pós-Graduação e reitor da Unesp;

– professora Telma Teresinha Berchielli, da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias da Unesp, câmpus de Jaboticabal, pela atuação como coordenadora da área de Zootecnia/Recursos Pesqueiros da Capes e pelo apoio dado ao Programa;

– servidora Seila Cristina Cassinelli Vieira, pela dedicação e atuação em prol do Programa.

 

Prêmios

– Melhor produção científica docente: professor José Luiz de Moraes Vasconcelos;

– Melhor produção científica discente: Marcos Henrique Colombo Pereira;

– Menção honrosa: Rodrigo Zaluski, pelo trabalho “Desenvolvimento, morfologia e proteoma de glândulas hipofaringeanas de apis melífera L. expostas a dose subletal de Fopronil  e Piraclostrobina”;

– Melhor trabalho: Pedro Luiz Pucci Figueiredo de Carvalho, pelo trabalho “Suplementação dietética de glutamina e desempenho produtivo, morfologia intestinal, respostas hemáticas, enzimáticas e imunológicas da tilápia-do-Nilo submetida a desafio bacteriano”.

 

Da assessoria