Obra de acesso ao futuro Centro Cívico já foi licitada

A Secretaria de Comunicação trouxe a informação de que a Comissão Permanente de Licitações (Copel) da Prefeitura de Botucatu abriu as propostas para a construção do acesso ao futuro Centro Cívico, na região dos bairros Santa Elisa e Riviera, que já inclui o novo Fórum. A via arterial também servirá como importante ligação entre o Distrito de Rubião Júnior e a Rodovia João Hypolito Martins (Castelinho), a partir do trevo de acesso ao Aeroporto Estadual Tancredo Neves.

Após a entrega dos documentos obrigatórios e envelopes com as propostas, foi declarada vencedora do certame a empresa Semam Terraplanagem e Pavimentação Ltda, que executará a obra ao valor de R$ 3.019.250,85. Os recursos a serem investidos pela Prefeitura são provenientes de convênio estabelecido junto ? Secretaria Estadual de Economia e Planejamento.

O projeto prevê a construção de 2.190 metros lineares de galerias pluviais, com tubulações de 600, 800 e 1.000 mm de diâmetro; 5.970 metros lineares de guias e sarjetas; e a pavimentação de 25.788 metros quadrados de área.

Os serviços deverão ter início em um prazo de até dez dias após assinatura do contrato. Assim, as obras podem começar no próximo mês de junho e a empresa ganhadora terá um prazo máximo de 150 dias para concluí-las.
O prefeito João Cury Neto se mostrou empolgado após saber do fechamento do certame da obra, que para ele será uma das mais importantes de sua atual administração. Revela que essa será apenas a primeira etapa de ligação da Castelinho ? Rubião Júnior.

“Essa nova via arterial da Cidade, quando completa, ajudará a desobstruir o trânsito que se forma na saída da Avenida Vital Brazil em direção ao campus de Rubião Júnior. Essa obra também representa o sinal de desenvolvimento urbano de Botucatu para esta região, que ganhará até o próximo ano um shopping e futuramente abrigará os três poderes, o Judiciário, Legislativo e Executivo”, comenta.