Morre Lanhoso: o proprietário da TV Serrana de Botucatu

Na tarde desta terça-feira, faleceu em Botucatu o proprietário da TV Serrana, canal 55 (aberta) e 04 (Net), Antônio Augusto Lanhoso de Lima, aos 83 anos de idade. Ele vinha lutando contra uma doença há vários meses e não mais apresentava o programa sertanejo “Meu Brasil Brasileiro” (foto) que estava há mais de uma década no ar e recebia artistas de toda região.  O estúdio da TV Serrana foi construído em um espaço na própria casa do empresário na Rua Dália nº 28 – Vila Paraíso.

A TV também conta em sua programação atrações que estão no ar há vários anos como o “Boas Notícias”, apresentado por Luiz Henrique Paes de Almeida; “Aroma Sertanejo”,  com a dupla Ramiro Viola e Pardini e “Amiga”, com Mary Ellen.

Considerado um cidadão polêmico, Lanhoso não pensava duas vezes para emitir suas opiniões sobre os mais variados assuntos, principalmente os relacionados à política local.  Por causa disso,  agregou para si alguns desafetos e foi candidato a vereador nas eleições  de 2008 pelo PTB, mas não se elegeu. Deixa dois filhos, ambos policiais: um delegado (Marcelo Lanhoso de Lima) e um capitão da Polícia Militar (Maurício Lanhoso de Lima) e vários netos.

A primeira retransmissão da TV Serrana aconteceu na campanha eleitoral de 1992  na eleição do médico Joel Spadaro, que era vice do então prefeito Jamil Cury. A televisão foi instalada no Terminal Rodoviário com parcos recursos e falta de equipamentos. Remando contra as dificuldades ele levou seu projeto adiante e a televisão se manteve no ar até hoje.