Medicina prepara o 21º Congresso Médico de Botucatu

A Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) se prepara para realizar o maior evento de seu calendário voltado aos estudantes. Entre os dias 17 e 22 de setembro será promovido o 21º Congresso Médico Acadêmico de Botucatu (CMAB), com palestras, mesas-redondas e apresentações de trabalhos.

O CMAB, que tem apoio da Fapesp Fundação de Apoio ? Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) tem com objetivo permitir a apresentação e premiar a produção científica da área de Saúde gerada na FMB e em outras instituições de Ensino Superior do Brasil. Também visa colaborar com a graduação de estudantes, bem como promover a atualização de profissionais da área de Saúde já formados.

Em todas as noites haverá discussão sobre diferentes temas relacionados ? área da Saúde, como Práticas Cirúrgicas, Noite da Sexualidade, Noite da Geriatria, entre outros. As atividades estarão divididas entre o Salão Nobre e Central de Salas de Aula da FMB e no Anfiteatro da Patologia, no Hospital das Clínicas. Em breve será divulgada a programação completa.

Todos os dias serão realizadas atividades culturais – entre 18 e 19 horas – antes das apresentações de trabalhos, e também ao final das discussões sobre os temas específicos. Estarão envolvidos alunos da FMB e também da escola de artes botucatuense Artistas S/A.

A exposição dos estudos desenvolvidos pelos alunos será na Central de Salas de Aula da FMB. Haverá premiação em quatro categorias (Clínico/Experimental; Relato de Caso; Atenção Primária ? Saúde/Educação em Saúde e Ciências Aplicadas em Saúde). As inscrições podem ser feitas pessoalmente, todas as noites, no local do congresso.

Pela primeira vez, será reconhecido o melhor trabalho na categoria “Ciências Aplicadas em Saúde”. O vencedor receberá o “1º Prêmio Ivan Amaral Guerrini”. O 21º Congresso Médico Acadêmico da FMB conta com apoio do Instituto de Biociências de Botucatu/Unesp (IB). Durante a semana do evento os alunos do IB estarão liberados de atividades avaliativas para poderem acompanhar a programação.

{n}Investimento{/n}

Associados do Centro Acadêmico Pirajá da Silva (CAPS), do Centro Acadêmico da Enfermagem e da Associação dos Médicos Residentes de Botucatu pagam R$ 70 para assistir todo o evento ou R$ 20 por noite. Para quem não é sócio custa R$ 80 todo o evento ou R$ 25 por noite.

O 1º Congresso Médico Acadêmico de Botucatu foi realizado em 1992, por meio de iniciativa do extinto Departamento Científico do Centro Acadêmico Pirajá da Silva (CAPS), composto por alunos da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp.

Foto: Leandro Rocha
Assessoria de Comunicação e Imprensa da FMB