Horário de verão começou na primeira hora deste domingo

À partir das zero hora deste domingo começou o horário de verão nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul do País. Em razão disso, ? meia-noite de sábado para o domingo, os moradores dessas regiões tiveram de adiantar os relógios em uma hora. A medida vai valer até zero hora do dia 20 de fevereiro de 2011.

Este ano, diferentemente, do que ocorreu em 2006, o início do horário de verão não será adiado por causa do segundo turno das eleições, no próximo dia 31 de outubro. Isso porque, de acordo com o secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Ildo Grüdtner, as urnas eletrônicas agora estão programadas para fazer automaticamente a alteração no horário, e, assim, a realização do pleito não será afetada.

O secretário explica que esse porcentual de redução de 5% na demanda é o mesmo dos anos anteriores. O principal objetivo do horário de verão é aliviar a carga entre 19 horas e 21 horas, período em que a maioria das pessoas chega em casa, toma banho e a iluminação pública é acionada. Como os relógios são adiantados em uma hora, esse pico do consumo é diluído, pois a luz natural do dia é aproveitada por mais tempo.
Os estados que são obrigados a seguirem o horário de verão são os seguintes: Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

{n}Alteração no sono{/n}

Ao mesmo tempo em que os dias ficam mais longos, aumenta a dificuldade para acordar nos primeiros dias do horário de verão. No entanto, especialistas da área neurológica adiantam que a mudança do horário tem pouca interferência para o relógio biológico.

Segundo eles, as pessoas atribuem a sensação de mais cansaço ao acordar ao novo horário, sem considerar o estresse diário, a ingestão de café ou de álcool em excesso ou o sedentarismo. Para as crianças, a alteração dos ponteiros é mais significativa só nos três primeiros dias.

Foto: Divulgação