Fórum de Botucatu será inaugurado em 03 de agosto

Fotos: Valéria Cuter

Agora é oficial! O novo prédio do Fórum de Botucatu, construído na região do Jardim Riviera, ? s margens da Rodovia João Hipólito Martins – Castelinho será inaugurado ? s 11 horas do dia 03 de agosto deste ano, com a presença do presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, Ivan Ricardo Garisio Sartori. A afirmação é do juiz diretor do Fórum de Botucatu, Josias Martins de Almeida Júnior, que esteve em São Paulo e acertou os detalhes da inauguração.

“A data foi acertada para que o TJSP conclua a instalação dos equipamentos e móveis que ainda faltam para serem usados nos gabinetes e cartórios e a ocupação possa ocorrer para podermos prestar um serviço com a celeridade e eficiência que Botucatu merece”, comentou Josias Júnior, adiantando que será necessária uma adaptação para acondicionar os processos que estão no papel.“Não será possível termos, de imediato, um Fórum digitalizado. Então, nos entendimentos que tivemos com o Tribunal de Justiça, os cartórios irão ocupar uma sala e meia, até que o sistema seja digitalizado, no momento oportuno”, acrescentou Josias Júnior.

O magistrado ressalta que até que as chaves sejam entregues, a segurança do prédio, assim como os equipamentos que já estão em seu interior, continuam ? cargo da empresa Resiplan que construiu o prédio. “A partir do dia 03 de agosto essa responsabilidade passa a ser nossa e o Fórum de Botucatu iria contar com uma escolta armada, com agentes qualificados que darão segurança aos que trabalham no Fórum e aos que se servem dele”, adiantou Josias Júnior.

O coordenador da circunscrição da Associação Paulista de Magistrados do Estado de São Paulo (APAMAGIS), juiz José Antônio Tedeschi, que ao lado de Josias Júnior acompanhou todo esse processo da construção do novo Fórum para Botucatu, salientou que o Poder Judiciário irá viver uma nova realidade. “Todos nós que trabalhamos na área jurídica sabemos as dificuldades que passamos sem o Fórum e, brevemente, vamos viver uma nova era, porque esse prédio novo é a menina dos olhos do Tribunal de Justiça”, colocou Tedeschi, lembrando um detalhe interessante. “Desde que o Fórum foi interditado, não nos esquecemos do prédio antigo, que durante esse processo, foi doado ao Município pelo Estado e abrigará uma Pinacoteca. Ele será restaurado mantendo todo o desenho criado pelo arquiteto Ramos de Azevedo”, diz.

Para o juiz Alfredo Gehring Cardoso Falchi Fonseca a inauguração do novo Fórum tem um significado especial, já que foi ele, como então diretor do Fórum, que participou das tratativas para que o prédio fosse construído em uma área do Jardim Riviera, escolhida de comum acordo com o Tribunal de Justiça. “Quando cheguei aqui em Botucatu em 2007, confesso que fiquei decepcionado com a situação do judiciário, funcionando em condições precárias e inadequadas. Havia muita polêmica em torno da construção de um novo Fórum e percorremos um longo caminho até que licitação fosse aberta e o contrato fosse assinado”, lembra o magistrado. “Hoje, ao ver o novo Fórum prestes a ser inaugurado, posso dizer que valeu a pena cada minuto esperado”.