Famesp inaugura instalações para usuários do SUS

Contando com a presença de autoridades médicas, políticas e militares, a Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar (Famesp) inaugurou, na tarde da última sexta-feira, 7, duas novas instalações assistenciais: o Refeitório para a Casa das Associações e a Sala de Espera do Ambulatório de Transplante. Ambas as estruturas estão situadas na Casa de Apoio do paciente transplantado.

O objetivo dos novos equipamentos é garantir ao usuário do Sistema Único de Saúde (SUS), que utiliza as dependências do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), excelência na assistência e acolhimento durante os tratamentos realizados em Botucatu. “O que fazemos (Famesp) é um exercício de responsabilidade social”, afirmou o diretor-presidente da fundação Pasqual Barretti.

Durante seu discurso, Pasqual ressaltou a importância da parceria existente entre Famesp e HC, a qual oferece condições para que as necessidades dos pacientes sejam atendidas de forma apropriada.

André Balbi, diretor de assistência ? saúde do HC, também destacou a relevância das parcerias existentes entre a unidade e a Famesp. Agradecendo aos parceiros do hospital durante a inauguração, Balbi lembrou que essas duas novas instalações foram viabilizadas em função da ajuda mútua entre as instituições.

“Parabéns pela obra, pela parceria, pela colaboração e pelo espírito público de compreender que precisamos dessas realizações para ter um SUS como o que temos”, frisou o vice-prefeito de Botucatu Antônio Luiz Caldas Jr. Para ele, as novas instalações são um “complemento” do tratamento de excelência oferecido por ambas as instituições (HC e Famesp).

Visivelmente emocionado, Rubens de Almeida, o Alemão, diretor administrativo de todas as Casas de Apoio, agradeceu a todos os presentes e a Diretoria da Famesp e do HC. “Peço a Deus força para continuar ajudando tantas pessoas que precisam”, disse.
Para o deputado federal Milton Monti as bandeiras do profissionalismo e ética levantadas pela fundação fazem toda diferença na prestação de serviços. “A Famesp, criada com sabedoria, não é apenas um braço de apoio do HC e da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB). Ela se transformou em uma simbiose dessas instituições trabalhando de forma única e integrada”, explicou.

O parlamentar também destacou durante seu discurso que, em virtude do atendimento oferecido pela fundação, outros municípios de diferentes regiões do Estado buscaram apoio da entidade. “Pessoas de fora recorrem a Famesp em função de sua excelência”, finalizou.