Ex-secretário de Botucatu é homenageado em São Paulo

O engenheiro agrônomo Ricardo Antonio de Arruda Veiga, ex-secretário municipal de Desenvolvimento de Botucatu e atual vice-presidente e diretor executivo de Benefícios da Mútua, foi um dos homenageados, no último dia 11, na comemoração da 500ª Reunião Ordinária da Câmara Especializada de Agronomia do Crea-SP. A homenagem foi prestada aos profissionais da área que colaboraram com a Câmara ao longo dos últimos anos e ofereceram uma contribuição fundamental para o desenvolvimento da área tecnológica no Estado.

Também ex-coordenador daquela Câmara, Veiga foi sete vezes conselheiro regional no Crea-SP, tendo assumido seu primeiro mandato em 21 de novembro de 1969. A Câmara Especializada de Agronomia do Crea-SP foi criada em 1968, junto ? s Câmaras de Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Industrial (atualmente Engenharia Mecânica e Metalúrgica) e Arquitetura (hoje extinta). A CEA conta atualmente com 29 membros, representantes de entidades de classe e instituições de ensino junto ao Crea-SP, mais o integrante eleito pelo Plenário, representando as demais modalidades profissionais.

Veiga foi diretor da Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp/Botucatu e secretário municipal de Desenvolvimento. Ocupou diversos cargos em entidades profissionais, como a Associação de Engenheiros Agrônomos do Estado de São Paulo, Associação de Engenharia de Botucatu, Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior e Federação das Associações de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado de São Paulo. No Sistema Confea/Crea e Mútua, como conselheiro federal por dois mandatos, o engenheiro paulista ocupou a Presidência do Confea interinamente, foi vice-presidente por dois anos e membro da Diretoria do Conselho por três anos. Na Mútua exerce o seu segundo mandato.