Estupros aumentam 27,42% em agosto no estado de São Paulo

ilustrativa-estuproO número de estupros registrados no estado de São Paulo teve um aumento de 27,42% no mês de agosto, em comparação com o mesmo mês de 2015. Foram 210 casos a mais do que em agosto do ano passado. Os dados, divulgados hoje (23), são da Secretaria de Segurança Pública.

“Em média, 80% dos casos de estupro envolvem pessoas que se conhecem, seja porque tem alguma relação de parentesco, seja porque tem alguma relação afetiva ou mesmo só mesmo uma relação de vizinhança. Em virtude desse relacionamento, é muito difícil você prevenir e evitar o crime, que acaba ocorrendo a quatro paredes”, disse o secretário de Segurança Pública, Mágino Barbosa.

O secretário destacou a importância da notificação à polícia quando o crime ocorre. “É difícil de ser elucidado, mas quando a vítima comunica de pronto a prática daquele crime, quando ela consegue vencendo todas as barreiras que a gente sabe que existe, quando ela consegue fornecer informações preciosas para a polícia, a gente vai e consegue prender os autores desse tipo de crime”.

Homicídios

Os homicídios tiveram uma redução de 12,65% no mês de agosto – o total de casos caiu de 324 para 283. Desde o início deste ano, de janeiro a agosto, comparado a igual período de 2015, houve uma diminuição de 9,16% nas ocorrências, que baixaram de 2.533 para 2.301. Os números registrados, tanto no recorte mensal quanto o acumulado dos oito meses, são os menores da série histórica, iniciada em 2001.

O número de latrocínios teve uma diminuição de 10,34% em agosto, passando de 29 para 26. De janeiro até o oitavo mês do ano, houve queda de 3,03% – de 231 para 224. Já os furtos aumentaram 7,09% em agosto e 3,85% no ano. Os roubos tiveram elevação de 14,34% no oitavo mês do ano e de 6,19% de janeiro a agosto deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado.

(Fonte: JCNET/Agência Brasil)