Erosão está “engolindo” rua no Jardim Eldorado

Uma erosão de, aproximadamente, 10 metros de altura 40 metros de cumprimento, formou-se em um trecho da Rua Brasilio Panhozi, região do Jardim Eldorado, paralela a Avenida Dante Delmanto. A erosão já atingiu a calçada e uma área de asfalto de mais ou menos cinco metros da rua. Para evitar acidentes foi necessário fazer um cordão de isolamento para alertar os transeuntes evitando que caiam no buraco.

O coordenador de Defesa Civil do Município, Domingos Chavari Neto, esteve no local e acompanha o problema de perto. “A situação, realmente, é complicada, pois a chuva dos últimos dias levou uma grande quantidade de terra, deixando essa erosão
que precisa ser contida, pois já chegou ? rua”, comentou.

Diz que já protocolou um pedido emergencial na Prefeitura para que as medidas sejam tomadas pela Secretaria de Planejamento. “A situação não pode continuar do jeito que está, pois a tendência é a erosão aumentar ainda mais, caso venha a chover. É do interesse da Prefeitura que este problema venha a ser combatido com a máxima urgência”, observou o coordenador de Defesa Civil. “Vamos ver qual é o melhor caminho”, acrescentou.

Próximo a erosão mora Paulo Sérgio Sass, de 40 anos de idade, que trabalha na coleta de produtos recicláveis e está muito preocupado com o avanço da erosão. “A continuar desse jeito, minha casa vai acabar sendo atingida e ela é o único patrimônio que tenho. De uns meses para cá isso (erosão) cresceu muito e levou muita terra, que precisa ser reposta”, comentou o autônomo.

Ele sugere que o local seja transformado em um depósito de entulho de material de construção. “Parece que existe dificuldade em encontrar um local para depositar os entulhos de construção. Acho que aqui seria um local ideal e o que não falta é espaço”, opina o morador.

Fotos: Valéria Cuter