Empresa especializada assume segurança do Fórum

Fotos: Valéria Cuter

A GF Vigilância e Segurança Patrimonial assumiu nesta sexta-feira (10) a fiscalização e segurança do Fórum de Botucatu que foi construído na região do Jardim Riviera, mas ainda não está agendada uma data especifica a ser inaugurado. O trabalho será efetuado 24 horas, ininterruptas, por dia.

O juiz diretor do Fórum e titular da 1ª Vara Criminal da Comarca, Josias Martins de Almeida Júnior, já havia adiantando que a segurança do prédio, assim como os equipamentos que já estão em seu interior, ficaria ? cargo de uma escolta armada, com agentes qualificados que darão segurança aos que trabalham no Fórum e aos que se servem dele.

Como o Fórum não está em funcionamento a segurança será feita, inicialmente, por oito profissionais de segurança, com jornada de 12 horas de trabalho, em sistema de revezamento. Em operacionalidade Fórum o deverá contar com 16 profissionais especializados e armados.

Nunca é demais lembrar que os mais diferentes setores forenses, com suas respectivas varas e cartórios, estão, atualmente, espalhados em diferentes prédios alugados da cidade, trabalhando em situação precária. Isso se arrasta desde 2002 quando o prédio do antigo Fórum, na Praça Rui Barbosa, foi interditado, pelo então diretor forense da época, sob a alegação de que estava com as estruturas comprometidas.

O contrato entre a Construtora Resiplan e Prefeitura Municipal para construção do novo Fórum foi assinado na manhã do dia 13 de março de 2010, numa solenidade que contou com várias autoridades, em frente ao antigo prédio interditado. Na ocasião foi oficializada a construção em uma área de 10 mil metros quadrados, empreendimento financiado pelo Governo do Estado, orçado em R$ 14.570.327,09.