Diretores da Faculdade de Agronomia são empossados

Os professores João Carlos Cury Saad e Carlos Frederico Wilcken são os novos diretor e vice-diretor da FCA. Eles foram empossados no dia 01 de fevereiro, em sessão solene da Congregação, ocorrida no Auditório da Fazenda Lageado. Nos próximos quatro anos, eles serão os responsáveis pela gestão da unidade que, em 2015, completará cinco décadas de atividades.

A solenidade foi presidida pelo professor Julio Cezar Durigan, reitor da Unesp que fez questão de homenagear a comunidade da FCA. “Costumo dizer que os dirigentes traçam linhas, mas quem verdadeiramente faz pesquisa, ensina, produz é a comunidade. É motivo de muita honra termos essa unidade dentro da Unesp”, disse desejando sucesso para os novos diretores.
“Estaremos trabalhando junto com vocês para o crescimento dessa unidade e da Unesp como um todo.

A Mesa do evento teve também a presença do professor Edivaldo Domingues Velini diretor cessante da FCA; professor José Matheus Yalenti Perosa, vice-diretor cessante; professor Carlos Antonio Gamero, pró-reitor de Administração da Unesp; professor Jair Manfrinato, da Faculdade de Engenharia de Bauru, representando os diretores das unidades da Unesp; João Cury Neto, prefeito municipal de Botucatu; vereador Ednei da Costa Carreira, presidente da Câmara Municipal de Botucatu. Diversas autoridades acadêmicas, políticas e eclesiásticas estiveram presentes, além de todos os ex-diretores e dos professores eméritos da FCA.

O professor João Saad iniciou seu pronunciamento agradecendo a confiança da comunidade e anunciando a intenção de “fazer o melhor pela faculdade que nos formou e onde temos o privilégio de trabalhar. Por vocês somos diretor e vice-diretor, com vocês somos unespianos e membros da comunidade da FCA. Nosso trabalho será de incentivar, fomentar e induzir a excelência, como prática cotidiana nas atividades fins de ensino, extensão e pesquisa”.

O novo diretor também fez questão homenagear seus antecessores, professores Velini e Perosa. “Parabéns pela administração que tratou com inteligência, espírito democrático e determinação questões cruciais como a reforma departamental, a criação de um novo curso, dentre tantas outras realizações”.

A importância dos programas de pós-graduação para o desenvolvimento da universidade e da ciência no país foi destacada pelo professor Saad. Mas o novo diretor também anunciou a intenção de colocar o ensino de graduação e a extensão no foco das iniciativas institucionais. “Buscamos uma interação harmoniosa e produtiva entre os três pilares da atuação universitária”.

Após reafirmar o compromisso da FCA com o Plano de Desenvolvimento Institucional da Unesp, o professor Saad ressaltou a valorização do fator humano no processo de gestão. “O que temos de mais importante e valioso são nossos docentes, nossos servidores técnico-administrativos e nossos alunos. Acreditamos que nossa diversidade é fonte de riqueza e que nossa unidade traz uma certeza de conquista”.

Após emocionados agradecimentos a familiares, o professor conclui seu discurso falando, mais uma vez, diretamente ? comunidade universitária. “Hoje damos o primeiro passo na nossa gestão e convido cada um de vocês a caminhar conosco, unidos para o exercício da excelência na FCA”.

{n}Cerimônia{/n}

Após a entrada do cortejo universitário, dos professores eméritos e da composição da Mesa, o professor Perosa, vice-diretor cessante, na ocasião exercendo a Diretoria, fez o primeiro discurso da sessão solene. Ele agradeceu a colaboração com o professor Velini, saudou parceiros institucionais e ressaltou realizações da gestão.

“Nossa proposta era consolidar a FCA como instituição progressista, transformadora da realidade nacional e formadora de profissionais e cidadãos plenos. Também nos comprometemos a manter a tradição dessa casa e inovar com responsabilidade, buscando sempre a elevação da qualidade das atividades de ensino, pesquisa e extensão. Acredito que cumprimos com nosso compromisso”.

Licenciado da Diretoria da FCA por ter assumido em meados de janeiro a direção da Fundação para o Desenvolvimento da Unesp (Fundunesp), o diretor cessante, professor Edivaldo Domingues Velini, agradeceu os diretores das demais unidades da Unesp em Botucatu, o empenho da comunidade da FCA ao longo dos últimos quatro anos, o apoio da Fundação de Estudos e Pesquisas Agrícolas e Florestais, do professor Perosa e dos familiares.

O professor também citou várias obras e ações realizadas durante a sua gestão, como a reestruturação departamental e a criação do curso de graduação em Engenharia de Bioprocessos. “As principais diretrizes que observamos foram o tratamento institucional e democrático das questões acadêmicas e administrativas e a priorização do coletivo. As ações foram desenvolvidas pela comunidade. Nós apenas articulamos e organizamos esse trabalho”.

Após a leitura e assinatura dos termos de posse, o professor Perosa transmitiu a função de vice-reitor para o professor Wilcken. Na sequencia, o professor Saad recebeu dos professores Durigan e Velini a função de diretor.

Em nome da Congregação, o professor Osmar de Carvalho Bueno saudou os dirigentes empossados. “Eles possuem uma trajetória altamente significativa na FCA que se traduziu na condução de ambos aos cargos máximos da nossa unidade pelos próximos quatro anos. Estejam certos que seus méritos acadêmicos foram determinantes nesse processo. Mas é importante ressaltar suas características pessoais, com destaque para a busca do diálogo e do debate”.

Após o discurso de posse do professor João Carlos Cury Saad, o ex-deputado federal Braz de Assis Nogueira, um dos responsáveis pela cessão da Fazenda Lageado para a Unesp, pediu a palavra e lembrou a atuação de familiares do novo diretor da FCA nas articulações políticas que possibilitaram essa conquista, considerada fundamental para o grande desenvolvimento que a FCA viria a alcançar ao longo dos anos.

O prefeito João Cury Neto lembrou a importância da Unesp para o desenvolvimento de Botucatu. “Nossa cidade foi transformada depois da instalação da Unesp e das suas unidades. Devemos muito ? universidade”. Lembrando a criação do Parque Tecnológico o prefeito afirmou: “Essa iniciativa carrega no seu DNA a marca indelével da FCA. Não haveria a possibilidade disso acontecer sem os membros da FCA que trabalharam para alicerçar essa ideia que será um outro divisor de águas na história da cidade. Mas tenho certeza que, através de parcerias, podemos fazer muito mais em benefício da nossa população”.

Fonte: Assessoria de imprensa
Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp – câmpus de Botucatu/SP