Defesa Civil identifica casa em risco de desabamento

O coordenador da Defesa Civil do Município, Paulo Renato da Silva, executou nesta quarta-feira (13) vistoria em um imóvel abandonado, na Rua Júlio Prestes, no Bairro Alto que apresenta risco de desabamento. Após a vistoria foi identificado o proprietário o qual foi notificado para sanar o problema.

“Estipulamos o prazo de 48 horas, para demolição de prédio em virtude do risco eminente de desabamento que poderá gerar um acidente grave e vamos acompanhar a situação para garantir o cumprimento dessa notificação. Na situação em que o imóvel se encontra não existe possibilidade de se fazer reforma. O caminho é a demolição”, disse Paulo Renato.

Esse é um programa que vem sendo desenvolvido pela Defesa Civil do Município, juntamente com a Guarda Civil Municipal (GCM) e Setor de Engenharia da Prefeitura Municipal, que nos últimos meses vistoriou várias casas que se encontram abandonadas em diferentes pontos da Cidade.

Alguns imóveis acabam servindo de abrigo para andarilhos e moradores de rua, para pernoite, fazer sexo ou usar substâncias entorpecentes. “Identificamos esses locais e comunicamos os proprietários para que tomem as providências necessárias. O que não pode continuar acontecendo é a vizinhança ter que conviver com pessoas estranhas entrando e saindo dessas casas abandonadas. Estamos atentos quanto a esta situação”, frisou Paulo Renato.