Corpo de Bombeiros certifica Cevap contra incêndios

As instalações do Centro de Estudos de Venenos e Animais Peçonhentos (Cevap), Unidade Complementar da Unesp, já estão devidamente adequadas ? s exigências do Corpo de Bombeiros no que diz respeito as condições de segurança contra incêndios. Prova disso é que a unidade já obteve o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) que certifica, no momento da vistoria, que uma determinada edificação está regularizada.

Para a obtenção do AVCB, a primeira medida adotada pelo Cevap/Unesp foi a elaboração de um projeto de proteção contra incêndios que estivesse em conformidade com as normas de proteção contra incêndio constantes no Decreto n. 56.819. Dessa forma, foi necessário gerar plantas contendo todos os riscos inerentes ao atendimento emergencial da área a ser protegida, da sinalização de emergência dos edifícios, descrevendo detalhes arquitetônicos dos prédios e técnicos de equipamentos. Também foi necessária a elaboração do formulário de segurança contra incêndio; memorial de cálculo populacional, do controle dos materiais de acabamento e revestimento, do cálculo de segurança estrutural e também do quantitativo da brigada de incêndio.

Após a conclusão das plantas e memoriais, o projeto foi encaminhado para avaliação do Corpo de Bombeiros do município de Botucatu , que o aprovou. A seguir, iniciou-se a etapa de realização de obras necessárias para execução do projeto e paralelamente a formação e treinamento de brigada contra incêndio em forma de aulas teóricas e práticas.Ao final das obras e implantadas as medidas necessárias, o Cevap finalmente solicitou a vistoria do Corpo de Bombeiros, que foi realizada no dia 12 de agosto deste ano. Ao final foi aprovado o projeto e as adequações realizadas na unidade atribuindo-se a seguir o certificado.

“A pesquisa científica mundial persegue o caminho da certificação, haja vista que tudo que é produzido quer seja na forma de insumos, quer seja na forma de publicação científica, devem estar alicerçados e apoiados por instituições sérias que se submetem as legislações ? risca. A escassez de recursos financeiros dedicados ? pesquisa, por um lado exige soluções de problemas e de outro produto certificado. O AVCB é apenas o primeiro passo de uma série de certificações exigidas para que um centro de pesquisa que pretende ser referência mundial se submeta para poder conseguir publicar sua produção científica em revistas arbitradas e de elevado fator de impacto. O CEVAP está apenas no começo desta caminhada”, afirma o coordenador executivo da unidade, professor Benedito Barraviera.

Da Assessoria