COOPMIL é inaugurada oficialmente em Botucatu

Na manhã desta terça-feira, foi oficialmente inaugurado em Botucatu o posto de atendimento da COOPMIL – Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Policiais Militares e Servidores da Secretaria dos Negócios da Segurança Pública do Estado de São Paulo. O escritório irá funcionar no segundo pavimento da loja Extra Eletro, na Rua Amando de Barros, região central da cidade.

O evento contou com a participação de autoridades policiais de Botucatu e diretores executivos da cooperativa, entre eles o capitão PM Hélio Lourenço Camilli, que há 15 anos está ? frente da presidência. Ele fala com entusiasmo do projeto que deu seus primeiros passos há 20 anos.

{bimg:5686:alt=interna1:bimg}

“Estou muito satisfeito de estar aqui hoje inaugurando esse novo ponto de atendimento em Botucatu para os trabalhadores da Segurança Pública. Este é o 31º ponto de atendimento que estamos inaugurando. Com esse posto os policiais poderão emprestar dinheiro fácil, sem burocracia, pois a cooperativa oferece crédito fácil e barato, além de aplicações com rentabilidade mais atraente do que a do mercado”, colocou o presidente.

“Não temos restrições, pois entendemos que o cooperativismo é uma filosofia de simplicidade, de amigo ajudando amigo, que promove a ajuda financeira mútua. A pessoa que pretenda se cooperar é só preencher a ficha e já estará aceito, desde que faça parte da Segurança Pública. Todos são bem vindos e poderão contar com a gente para tudo que necessitar”, acrescentou Camilli.

Ele lembra que nesses 20 anos de existência, a COOPMIL agrega mais de 63 mil cooperados, tem sede própria, uma central de serviços e 31 postos de atendimento espalhados pela capital, litoral e interior do Estado, contando com mais de 350 funcionários. “A inauguração do posto de Botucatu faz parte do projeto de levar a COOPMIL a todas as regiões do Estado, facilitando assim o atendimento das necessidades dos cooperados”, observou o presidente.

{n}Quem pode ser um cooperado?{/n}

Podem fazer parte da COOPMIL (que é uma cooperativa de crédito sem fins lucrativos) todos os policiais militares, policiais civis, pensionistas, guardas metropolitanos, servidores da Segurança Pública e funcionários da Cruz Azul.

Além de oferecer várias linhas de crédito, a COOPMIL disponibiliza inúmeros produtos e serviços, extensivos aos familiares, entre eles assistência jurídica, assistência social, atendimento psicológico, convênio médico e odontológico, cursos preparatórios, convênios educativos, compras cooperadas, venda de armas e equipamentos de segurança a preços especiais, colônia de férias e muitos outros benefícios.

{n}Crédito Social {/n}

Parte dos recursos da cooperativa é destinada ao atendimento social dos cooperados em dificuldades financeiras. A COOPMIL disponibiliza linhas de crédito especiais para situações de emergência, urgências médicas e toda e qualquer situação em que o policial esteja passando por alguma necessidade.

“Nossa preocupação é com o bem estar do cooperado. Embora a principal finalidade da cooperativa seja emprestar dinheiro, não é essa a atividade que mais nos deixa feliz. O que queremos é deixar o cooperado satisfeito”, afirma o presidente Hélio Camilli, referindo-se ao trabalho social desenvolvido ali.

Para finalizar ele enfoca que os Postos estão preparados para oferecer aos cooperados todas as operações financeiras realizadas na sede da cooperativa, que fica no centro de São Paulo, ? Rua Venceslau Brás, 175, na Praça da Sé.

Fotos: Valéria Cuter