Cerimônia formaliza acordo para Botucatu receber escola da Embraer

O secretário de Estado da Educação, Paulo Renato Souza, estará em Botucatu na próxima terça-feira (28). Ao lado do prefeito João Cury Neto ele participará da cerimônia de assinatura do protocolo de intenções entre o município, o Estado e o Instituto Embraer de Educação e Pesquisa para a construção do colégio de Ensino Médio na cidade e da nova sede da Diretoria Regional de Ensino.

O evento acontecerá ? s 14 horas, na Sala de Teleconferência da Secretaria Municipal de Educação (Praça Dom Luiz Maria de Santana, 176 – Centro). A solenidade vai oficializar uma conquista obtida pelo prefeito em dezembro de 2009, que permitirá a Botucatu contar com uma escola nos moldes do Colégio Engenheiro Juarez Wanderley, que desde 2002 proporciona Ensino Médio de alta qualidade a alunos egressos da rede pública de ensino da região de São José dos Campos e é considerado um dos melhores do país.

Após meses de tratativas e diversas reuniões, uma “engenharia” teve que ser montada para que a instalação da nova escola seja iniciada no menor prazo possível. O local escolhido para receber a unidade foi o prédio onde hoje funciona a Diretoria Regional de Ensino, na Avenida Santana, que será transferida provisoriamente para as antigas instalações da concessionária Lapenna Fiat, na Avenida Dante Delmanto.

O aluguel do imóvel será custeado pela Prefeitura até que o Governo do Estado construa a nova sede para o órgão. O local já está escolhido. Trata-se de um terreno pertencente ao município nas proximidades da Misericórdia Botucatuense.

{n}O Colégio{/n}

O Colégio Engenheiro Juarez de Siqueira Britto Wanderley, mantido pelo Instituto Embraer de Educação e Pesquisa e gerenciado pelo Sistema Pitágoras de Ensino, foi criado em 2002 com o objetivo de: proporcionar o Ensino Médio a alunos provindos da rede pública de ensino de São José dos Campos, Taubaté, Caçapava e Jacareí. Mantém 600 alunos (200 em cada série do EM) e oferecer aos alunos educação de alta qualidade, transporte, alimentação, uniforme, material pedagógico, seguro de saúde/vida.

Iniciou suas atividades com 200 alunos de 1ª série / Ensino Médio, com projeção de 600 alunos em 2004, nas três séries do Ensino Médio. O ingresso de alunos no Colégio Eng. Juarez Wanderley se dá através de exame seletivo, de acordo com critérios estabelecidos pelo Instituto Embraer de Educação e Pesquisa.

Sua gestão escolar está sob a responsabilidade do Grupo Pitágoras que, com longa tradição no setor de ensino, está implementando um arrojado projeto pedagógico, orientado para o alto desempenho acadêmico e educacional de seus alunos, em consonância com o espírito e os valores que a Embraer tanto preza: a consciência de nossa nacionalidade, a ética, a liberdade pessoal, o empreendedorismo e o compromisso com o futuro.

A equipe docente é selecionada pela elevada qualificação e se utiliza dos mais modernos recursos materiais como equipamentos multimídia, biblioteca, laboratórios de física, química, biologia, artes e ofícios e de ensino de língua inglesa, além da tecnologia de informação de última geração nas salas de aulas. A jornada escolar diária é integral, de nove horas/aula, e os alunos tem ensino, transporte, alimentação, seguro, uniforme completo e material didático gratuitos.

A proximidade física e a convivência dos alunos do Colégio Eng. Juarez Wanderley com o ambiente e a cultura da Embraer, sua história, suas conquistas e seu espírito empreendedor e determinado, servem de referencial para a formação de valores morais e éticos, que contribuem para a construção de uma sociedade mais competente, justa e solidária.

Fonte: Secretaria de Comunicação