Câmara sediou Audiência alusiva ao centenário do Seminário São José

Com a presença de um bom público formado por pessoas ligadas a diferentes segmentos da sociedade botucatuense, a Câmara Municipal de Botucatu sediou a Audiência Pública alusiva ao centenário do Seminário São José. O evento foi resultado de uma iniciativa do vereador Fontão (PSDB).

Segundo o parlamentar, o encontro foi bastante importante dada ? relevância da instituição para a história religiosa da Cidade. “O Seminário São José formou um grande número de sacerdotes e muitos destes foram eleitos Bispos e Arcebispos da Igreja”, destaca.

Entretanto, o vereador Fontão aponta que a importância do Seminário São José vai além da religiosa. “Ao longo desses 100 anos, além de sacerdotes, o Seminário ajudou a formar muitos professores, escritores e outros profissionais que, sem sombra de dúvida, contribuíram para o desenvolvimento da nossa sociedade”, coloca.

No evento, que contou com a participação do arcebispo Metropolitano de Botucatu, Dom Mauricio Grotto de Camargo, foram lembrados momentos importantes e marcantes da história do Seminário São José e contextualizada com a instituição com a história da arquidiocese.

{n}{tam:25px}Um pouco da história do Seminário{/n}{/tam}

{n}Por Cônego Joinville Antônio Arruda{/n}

A Arquidiocese de Botucatu esta em festa pois no próximo dia 25 de março o Seminário Arquidiocesano São José estará completando 100 Anos.

Assim que chegou a Botucatu como 1° Bispo Diocesano, Dom Lucio Antunes de Souza logo se preocupou em dar inicio a construção do Seminário Diocesano para a formação dos futuros Presbíteros que o haveriam de auxiliar na Evangelização e no cuidado Pastoral da grande e recém criada Diocese de Botucatu.

Dada a Benção da Pedra Fundamental no dia 26/07 no mesmo ano de sua chegada, Dom. Lucio com grande alegria inaugurou e abençoou o Seminário dedicado a São José (O Padroeiro das Vocações Sacerdotais) no dia 25 de março de 1911.

Serviu esse Seminário não só para a formação do clero local, mas também jovens de outras Dioceses do Estado de São Paulo foram enviados por seus Bispos para nele estudarem; Veja então o prestigio que o mesmo tinha desde as suas origens.

Preocupado com a boa formação, Dom Lucio consegue trazer da Europa a Congregação dos Padres Lazaristas, especialmente para trabalhar na Formação dos Seminaristas; Formação integral, bem trabalhando as dimensões Intelectual, espiritual, comunitária e humano-afetiva dos jovens internos.

Em 100 anos de historia, milhares foram os jovens que estudaram no Seminário São José de Botucatu, destes, muitos se tornaram Presbíteros e dentre estes alguns tornaram-se depois Bispos e Arcebispos como é o caso de nosso querido Arcebispo Emérito Dom Antonio Maria Mucciolo e também de Dom Luiz Soares Vieira, Arcebispo de Manaus e atual Vice Presidente da CNBB.

Uma grande maioria dos seminaristas não chegou ao Sacerdócio, tornaram-se, entretanto, bons pais de família, procurando dar seu bom testemunho de cristão comprometido com a transformação da Sociedade e colaborando com a Missão da Igreja como leigos atuantes em suas comunidades.

Inúmeros foram os Formadores e Reitores que passaram por este Seminário, cujos nomes de todos é difícil nomear, mas Deus os conhece a todos e a eles o recompense sejam vivos ou falecidos.

Para comemorar este momento histórico a Arquidiocese de Botucatu organizou a seguinte Programação: Dias 22, 23 e 24 de Março, 19h30, Missa do Tríduo Preparatório; Dia 25 de Março: 19h30 Solene Missa de Ação de Graças presidida pelo Arcebispo de Manaus, Dom Luiz Soares Vieira e, Concelebrada por Dom Mauricio Grotto de Camargo e todo Clero da Arquidiocese; será lançado um Livro com a Historia do Seminário; também uma Sessão Solene na Câmara Municipal de Botucatu esta prevista.

Atualmente o Seminário São José funciona como Seminário Médio e Propedêutico, sendo sua atual Diretoria formada por: Reitor: Côn . Joinville Antonio de Arruda (desde 2006 ) Diretor de Estudos: Pe. Nelson Maria Brechó (desde 2009) e Diretor Espiritual: Pe. Marcio Godoy Júnior (desde 2009).

Neste Ano do Centenário temos apenas 04 Seminaristas internos cursando o Ensino Médio no Colégio Santa Marcelina. E os seminaristas maiores residem e estudam Filosofia e Teologia no Seminário Provincial em Marília/SP.

Finalizando, convém observar também que o prédio original do Seminário inaugurado por Dom Lucio é hoje o atual Colégio La Salle. Foi transferido depois para o 1° Palácio Episcopal (bem atrás da Catedral) onde o Seminário funcionou por varias décadas, sendo ampliado o prédio no tempo de Dom Luiz Santana e Dom Henrique. E finalmente no ano 2000 com Dom Aloysio Penna, o Seminário foi transferido para o prédio do 2° Palácio Episcopal (ao lado da Cúria) onde esta em funcionamento ate hoje.