Botuprev tem novos membros no Conselho de Administração e Fiscal

Na última quarta-feira (20), no auditório Cyro Pires, o prefeito João Cury Neto assinou o decreto nº 10.552, que constitui o novo Conselho de Administração e Fiscal do Regime Próprio de Previdência Social (RPPS). A eleição dos conselhos aconteceu nos dias 7, 8 e 9 deste mês e contou com a votação de mais de 600 servidores públicos municipais, entre ativos e inativos.  
 
Foram eleitos oito conselheiros titulares e sete suplentes. Outros quatro membros foram indicados pela Prefeitura. Eles terão a missão de conduzir os trabalhos de prestação de contas e fiscalização financeira do Fundo de Previdência do Município, também conhecido como Botuprev, pelo período de dois anos, ou seja, até abril de 2018. 
 
A finalidade do Botuprev é garantir o plano de benefício do RPPS, custeando os pagamentos de aposentadorias e pensões aos servidores públicos municipais (segurados e dependentes). Cada funcionário estatutário passou a contribuir com 11%, já descontados da sua folha de pagamento, enquanto que o Poder Público participa com 11,54%. A partir de 2017, o Botuprev se tornará uma autarquia, ou seja, com gestão independente do poder público municipal.
 
Reginaldo Mariano, atual presidente do Botuprev, enalteceu os principais benefícios aos servidores públicos municipais, ativos e inativos, gerados a partir do novo Regime Próprio de Previdência Social. Desde a redução da carga horária de trabalho de 44 para 40 horas semanais até o plano de crescimento de carreira por meritocracia.
 
“Para se ter ideia, hoje 302 servidores de carreira ocupam cargos de chefia dentro da Prefeitura. Mas o principal beneficio é a garantia do servidor se aposentar sem que aja cortes no seu salário, o que aconteceria caso ele se aposentasse pelo INSS. Já autorizamos 121 aposentadorias e 14 pensões, todas com aval do Tribunal de Contas e custeadas pelo Botuprev, que hoje soma uma reserva de mais de R$ 80 milhões”, informa.
 
O secretário municipal de Administração, Ricardo Salaro, tem convicção que o novo Regime Próprio de Previdência Social adotado pela Prefeitura de Botucatu pode servir de modelo a outros municípios que buscam valorizar melhor seus servidores públicos.
 
“O Botuprev tem uma série de benefícios que muitos funcionários da iniciativa privada gostariam de ter. Entre eles, o de ter um futuro tranquilo em um momento delicado de nossas vidas, que é quando a saúde começa a nos faltar e nossos recursos ficam mais comprometidos. Ele nasceu para se perpetuar e servir de exemplo a outras prefeituras”, afirma.
 
O prefeito João Cury elogiou a gestão da primeira diretoria do Botuprev e reforçou a responsabilidade dos novos membros quanto à administração e fiscalização do Fundo de Previdência Social dos servidores públicos municipais. 
 
“Hoje o servidor quer segurança, não uma aventura. Neste sentido o Botuprev tem sido conduzido com maestria por funcionários de carreira, que têm feito as aplicações do Fundo de Previdência através de instituições financeira sólidas como a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil, e sem qualquer tipo de interferência da Prefeitura”, enaltece. 
 
 
Mais informações
Site: www.botucatu.sp.gov.br/botuprev/
 
Conselho de Administração
Poder Executivo – Presidente
Reginaldo Mariano da Conceição (titular)
Walner Clayton Rodrigues (suplente)
 
Servidores Eleitos Ativos
Leonardo de Paula (titular)
Ana Paula dos Santos (titular)
Dirceu Henrique Ribeiro de Carvalho (suplente)
Ariovaldo Bento (suplente)
 
Servidores Eleitos Inativos
Deise de Paula Angella Coneglian (titular)
Ana Cristina Omodei Coelho Gomes (suplente)
 
Servidores Eleitos Poder Legislativo
Diego Lopes de Souza (titular)
Wladimir Lardo Sanchez (suplente)
 
Conselho Fiscal
Poder Executivo
Antonio Marcos Camillo (titular)
Rogério José Dálio (suplente)
 
Servidores Eleitos Ativos
Carlos Alberto dos Santos (titular)
Patrícia de Paula Lima Pierard (titular)
Paula Roberta França (suplente)
Amaury Giacóia (suplente)
 
 
Servidores Eleitos Inativos
José Prete (titular)
 
Servidores Eleitos Poder Legislativo
Aline Parada da Silva (titular)
Rosemeire Castilho Siqueira (suplente)