Botucatu se organiza para a Feira do Empreendedor

Para facilitar a participação dos empreendedores de Botucatu e da região na 3ª edição da Feira do Empreendedor que será realizada de 22 a 25 de fevereiro de 2014, no Expo Center Norte – Pavilhão Verde, em São Paulo, o escritório do Sebrae está organizando caravanas exclusiva aos empresários. A viagem será no dia 24 (segunda-feira), com saída em frente ? sede da entidade em Botucatu (Rua Dr. Costa Leite, 1.570, Centro).

A feira é organizada pelo Sebrae-SP, a cada dois anos, e se consolidou como o principal evento de empreendedorismo do Brasil voltado ? s micro e pequenas empresas. Em 2012, a edição paulista reuniu aproximadamente 55 mil participantes.

Com entrada franca, o evento terá 21 mil m² com estandes de consultoria individual, orientação coletiva, portfólio do Sebrae-SP, Loja Modelo para o comércio varejista, espaço de negócios para empreendedores de startup além de exposição de oportunidades de negócios.

O visitante que busca informações sobre empreendedorismo poderá participar de atividades voltadas ? disseminação de conhecimento nas oito salas de palestras, com capacidade para 300 pessoas cada, que contará com apresentações de profissionais de mercado. Há ainda seis espaços destinados ? capacitação comandados por consultores e técnicos do Sebrae-SP.

Os potenciais empreendedores interessados em abrir sua própria empresa poderão sair da Feira do Empreendedor com informações sobre as ofertas e tendências de mercado ao visitar a área de oportunidades de negócios. Cerca de 300 expositores dos segmentos de franquias; tecnologia da informação; máquina e equipamentos; e representação e porta a porta estarão no Expo Center Norte para apresentar seus produtos e serviços.

“Nosso objetivo é apresentar soluções e oportunidades que promovam ? melhoria de processos. Por isso, o Sebrae-SP seleciona os expositores e avalia se o perfil da empresa participante é compatível com as demandas dos micro e pequenos empresários”, explica Bruno Caetano, diretor superintendente do Sebrae-SP. “Trata-se de uma feira de negócios e não tem a missão de vender serviços e produtos a varejo ao consumidor final”, complementa.

A feira terá ainda um espaço de atendimento do Sebrae-SP, onde serão oferecidas consultorias de marketing, financeira e jurídica. O empresário que deseja sair da informalidade também poderá abrir a empresa durante a Feira do Empreendedor.