Botucatu na Marcha Nacional de Proteção ao Animal

Está sendo feito uma verdadeira corrente nas redes sociais em Botucatu como preparação para a Marcha da Defesa Animal, uma manifestação nacional pacífica em defesa dos direitos dos animais que será realizada no dia 25 de agosto, ? s 13 horas, em apoio popular ? petição do Movimento Nacional de Proteção e Defesa Animal – Projeto de Lei nº 236/12 – que está em tramitação no Congresso Nacional.

Para os ativistas a atual legislação é muito branda, no que tange ? penalização para quem comete crimes contra animais e a sociedade brasileira tem se revoltado e se manifestado diante das atrocidades cometidas contra os indefesos, demonstrando seu anseio por uma penalização maior para tais atos e não ser consideradas meras infrações administrativas, sendo punidas, unicamente, com o pagamento de multas.

Os manifestantes em Botucatu, com coordenação da Associação Protetora dos Animais (APA) deverão se concentrar no Largo da Catedral, na Avenida Dom Lúcio ? s 12 horas para fazer a manifestação que não tem cunho partidário nem é financiada por empresários. Os manifestantes poderão criar cartazes ou faixas com o tema da defesa animal, abrangendo todos os tipos de maus-tratos a toda espécie animal.

Conforme a voluntária da APA, Maria Isabel Torres Santos, o objetivo é garantir a proteção dos bichos que vivem na região, intensificar a campanha de castração de animais, dentre outros projetos. “Maltratar ou abandonar animais de estimação, além de desumano, é crime previsto na Lei Federal 9605/98”, advertiu.

Lembra que a APA, há mais de 10 anos, veste a camisa em defesa desta causa e convoca a população para colaborar com a fiscalização e a defesa do animal. O município recebe o descarte de cães e gatos, que acabam sofrendo com o abandono. A penalidade para este crime é de detenção de três meses a um ano e ainda multa. A APA resgata, trata, doa e conscientiza a população para não abandonar o animal. “Nestes anos todos, realizamos milhares de castrações (para evitar o crescimento populacional dos animais) e doações”, enfoca Maria Isabel.

A idealização dessa Marcha Nacional partiu da ativista Nelma Lobo, mineira, moradora de São Paulo e está se espalhando para todo País. “Queremos mostrar o quanto nossos animais sofrem com a falta de punição adequada para criminosos, a qual é aplicada em países desenvolvidos e que precisam ser executadas também aqui no Brasil”, disse Nelma. “Esperamos os verdadeiros ativistas, os defensores da causa animal indo pra rua, levantando a bandeira, exigindo mudanças, independente de quem sejam, pois vamos todos como cidadãos brasileiros”, emenda.