Bombeiros resgatam família que ficou ilhada em chácara

Especialistas em salvamento de risco enfrentaram os obstáculos do rio contando com apoio dos policiais militares e moradores locais, sendo a família tirada da área de risco sem nenhum ferimento

 

Na primeira hora desta quarta-feira os policiais de Botucatu sargento Rosivaldo e soldado Teixeira,    com os cabos Benivaldo e Escorsi da viatura I-12313, de Bofete, receberam solicitação para atender um casal  (Elisângela de Andrade Gomes e Sidney Aparecido Alves) que mora às  margens do Rio do Peixe em um imóvel denominado Chácara do Tatu no Loteamento Santa Terezinha. O casal  havia sido surpreendido pelo volume da água que subiu rapidamente não dando condições de eles saírem do local. Também estavam na casa os três filhos menores  (Kaique, Amanda e Nilda) e um cachorro.

A operação necessitava de uma operação de resgate especializado, por isso os policiais acionaram o Corpo de Bombeiros de Botucatu. Como a distância era longa e ainda com a serra de Botucatu interditada, os policiais foram orientados  em conseguir um bote para que os bombeiros fossem com uma viatura menor e mais rápida, devido a gravidade e risco de vida que a família corria.

Com a chegada do sargento Ferrari e o cabo Castro, especialistas em salvamento de risco dos bombeiros, que enfrentaram os obstáculos do rio contando com apoio  dos policiais militares e moradores locais, a família foi resgatada sem nenhum ferimento, por volta das 3 horas.