Sócios da AAB vivem clima de eleição do novo presidente

Os sócios do clube mais popular e tradicional de Botucatu estão próximos de eleger o novo presidente na eleição prevista para acontecer no próximo dia 27 de maio, no período compreendido entre 09 ? s 15 horas. A contagem dos votos acontece em seguida. Terão direito ao voto o sócio titular que esteja em dia com as mensalidades.

Disputam a preferência do associado Jânio Eduardo Gonçalves, candidato da situação apoiado pela atual diretora Executiva e Wiley Fernando Emiliano, como oposição. Ambos estão trabalhando muito junto aos “cabos eleitorais” para mostrar aos sócios suas propostas de gestão para o triênio 2012/2015.

Durante o diálogo com os sócios os candidatos apresentam a chapa completa que, de acordo com o estatuto, prevê a inclusão de pelo menos 200 sócios que estejam em dia com o pagamento das mensalidades. Sem esta listagem completa o candidato não poderia registrar sua chapa.

“Vamos continuar fazendo da AAB o clube da família botucatuense, priorizando nossas famílias e, especialmente, nossas crianças, que são nosso bem maior e o nosso futuro e nortear nossa administração com responsabilidade financeira, participativa, social e ambiental, valorizando os investimentos que atendam o interesse dos sócios”, colocou Jânio.

“Uma das nossas principais propostas de gestão é fazer alterações no estatuto do clube para que apenas uma reeleição seja permitida e a rotatividade da diretoria seja maior. Paralelo a isso, elaboramos um conjunto propostas que estão sendo apresentadas na campanha e conversando com os sócios para conhecer o que esperam de nós”, explanou Wiley.

O atual presidente do clube Carlos Bonaldo, o Carlão que por três vezes consecutivas conseguiu se reeleger optou por não disputar a eleição para tentar um novo mandato. “Acredito que já dei minha parcela de contribuição e é o momento de outra pessoa assumir a presidência e que seja feita a vontade do sócio que é o principal patrimônio do clube. O que fizemos nesses anos pode ser visto em todos os departamentos. Desejo sorte aos dois candidatos que estão apresentando suas propostas de gestão e aquele que for eleito possa realizar uma gestão voltada a atender o interesse do associado”, frisou Carlão.

Sobre seu apoio a Jânio ele foi taxativo. “Não temos absolutamente nada contra o Wiley, pelo contrário. Mas, o Jânio tem sido um diretor atuante e seu nome foi consenso entre a diretoria. Acreditamos que poderá ser um bom presidente, sempre procurando ouvir e atender as necessidades do associado e aumentando o patrimônio do clube”, justificou Carlão.