Secretário nacional de futebol abre Varzeano série a em Botucatu

No último domingo (17), o secretário Nacional de Futebol Substituto, Romeu Carvalho de Castro, do Ministério do Esporte, esteve em Botucatu para a abertura do Campeonato Varzeano série A, realizada no campo Acrísio Paes Cruz, na Associação Atlética Ferroviária (AAF).

Na oportunidade, ele recebeu uma placa de agradecimento por Botucatu ter sido contemplada pelo programa “Futebol para Todos” e deu o ponta pé inicial da partida entre Serra Negra B e Amigos do Grilo B. Na estreia, Serra Negra levou a melhor ao vencer o adversário por 2 a 0.

“O programa Futebol para Todos vem para socorrer as prefeituras e o futebol não profissional em momento especialmente muito difícil do País, em que a crise econômica tem afetado a todos os Municípios. E a escolha de Botucatu, para receber este projeto, foi reflexo de um patamar de excelência alcançado pelo atual governo municipal. Porque se a Prefeitura não estivesse com todas as suas contas em dia não seria possível celebrar este convênio com o Ministério. Foram contempladas apenas 10 cidades com o programa que conta também um novo fator que é a garantir investimentos no futebol feminino”, explica o secretário Nacional.

Programa “Futebol para Todos”

Voltado para municípios com população superior a 20 mil habitantes, o programa Futebol para Todos busca garantir condições mínimas para a prática da modalidade. A primeira fase do projeto atenderá dez municípios. Entre eles Botucatu, que receberá o repasse de R$ 118 mil do programa. O Município também entrará com uma contrapartida.

“Com este repasse, o dinheiro que a Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo empregava anteriormente nos custos de arbitragem e premiações entre troféus e medalhas destes campeonatos poderão ser utilizados em outras áreas do esporte em Botucatu”, ressalta o secretário municipal de Esportes, Lazer e Turismo, Antonio Carlos Pereira.

Segundo o diretor do Departamento de Futebol e Futsal da Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo de Botucatu, Clodoaldo Cardoso, foram beneficiados com o programa em Botucatu cerca de 2.300 pessoas, entre atletas e comissão técnica, das competições do Varzeano série A, Varzeano série B e do Campeonato Botucatuense de Futebol Feminino, uma novidade implantada pela administração neste ano de 2016.

“Em 2008, o futebol amador não foi realizado em Botucatu e partir de 2009 ele foi retomado e reformulado pela administração atual. Hoje, no nosso Município, o Varzeano série B conta com 40 equipes e o série A com outras 14. São competições que, mais do que revelar talentos, integram atletas, movimentam as comunidades e estimulam a prática esportiva”, destaca.

(Ass. de Imprensa da Prefeitura)