Massa abre a temporada 2011 largando em oitavo na Austrália

“Fomos menos competitivos do que esperávamos”. Foi este o comentário do piloto de Botucatu, Felipe Massa, que conseguiu apenas a oitava colocação no grid de largada do 1º Grande Prêmio de Fórmula Um da temporada 2011, no circuito de Melbourne, na Austrália.

A largada acontece na madrugada deste domingo ? s 3 horas (horário de Brasília). Massa, juntamente, com o espanhol Fernando Alonso, corre pela escuderia italiana Ferrari. O espanhol larga na terceira fila, na quinta colocação, e foi meio segundo mais rápido que o brasileiro.

O piloto reconhece que não estaria lutando pela pole, principalmente pelo bom tempo do Vettel, mas tinha esperança de conseguir uma melhor posição do grid, mas os dois carros da Ferrari tiveram falta de aderência nos pneus. “Tivemos inúmeros problemas com a aderência e agora iremos nos preparar da melhor forma para a corrida de amanhã quando não é só a velocidade que conta e sim a confiabilidade”, disse.

Massa economizou palavras ao comentar sua rodada na terceira fase do treino que definiu o grid. “Acelerei quando meus os pneus ainda estavam muito frios. Não danifiquei nada para a corrida, mas, definitivamente, isso não ajudou”, reconheceu.

O alemão Sebastian Vettel, da Red Bull e atual campeão da F-1, garantiu a pole position para o GP da Austrália, com a marca de 1min23s529 (novo recorde da pista). A briga no treino que definiu o grid de largada ficou restrita a Red Bull e a McLaren, que dominaram com os melhores tempos. Lewis Hamilton completa a primeira fila na segunda posição. Mark Webber (Red Bull) e Jenson Button (McLaren) vêm logo atrás.

Rubens Barrichello, da Williams, foi o 17º e lamentou o erro que cometeu no início dos treinos. “Coloquei uma roda na grama, o carro saiu de traseira. O ritmo de classificação estava bem mais alto do que a gente imaginou. Tivemos um problema no câmbio e isso nos deixou mais apressados do que deveria, mas o erro foi meu”, disse Barrichello em entrevista a uma rede de televisão.

{n}{tam:25px}Grid de largada em Melbourne {/n}{/tam}
1. Sebastian Vettel (ALE) – Red Bull – 1min23s529
2. Lewis Hamilton (ING) – McLaren – 1min24s307
3. Mark Webber (AUS) – Red Bull – 1min24s395
4. Jenson Button (ING) – McLaren – 1min24s779
5. Fernando Alonso (ESP) – Ferrari – 1min24s974
6. Vitaly Petrov (RUS) – Renault – 1min25s247
7. Nico Rosberg (ALE) – Mercedes – 1min25s421
8. Felipe Massa (BRA) – Ferrari – 1min25s599
9. Kamui Kobayashi (JAP) – Sauber – 1min25s626
10. Sebastien Buemi (SUI) – Toro Rosso – 1min27s066
11. Michael Schumacher (ALE) – Mercedes – 1min25s971
12. Jaime Alguersuari (ESP) – Toro Rosso – 1min26s103
13. Sergio Perez (MEX) – Sauber – 1min26s108
14. Paul di Resta (ESC) – Force India – 1min26s739
15. Pastor Maldonado (VEN) – Williams – 1min26s768
16. Adrian Sutil (ALE) – Force India – 1min31s407
17. Rubens Barrichello (BRA) – Williams – sem tempo no Q2
18. Nick Heidfeld (ALE) – Renault – 1min27s239 [Q1]
19. Heikki Kovalainen (FIN) – Lotus – 1min29s254 [Q1]
20. Jarno Trulli (ITA) – Lotus – 1min29s342 [Q1]
21. Timo Glock (ALE) – Virgin – 1min29s858 [Q1]
22. Jerome D’Ambrosio (BEL) – Virgin – 1min30s822 [Q1]

{n}Não Classificaram{/n}
Vitantonio Liuzzi (ITA) – Hispania – 1min32s978
Narain Karthikeyan (IND) – Hispania – 1min34s293