Em jogo truncado, Serra Negra marca duas vezes e conquista a Copa dos Campeões em Botucatu

O Estádio Acrísio Paes Cruz, na Associação Atlética Ferroviária – AAF, recebeu na tarde deste     domingo, 03, a grande final da Copa dos Campeões do futebol amador botucatuense. Em campo, as  duas últimas campeãs da Série A municipal, Jardim Brasil e Serra Negra, ambos do setor leste da  cidade. Ao final do jogo, o placar de 2 a 1 garantiu ao Serra Negra, o título da competição que reúne as principais equipes de Botucatu.

 Campeão da Série A de 2014, o Jardim Brasil veio para o jogo com uma postura ofensiva e pressionou os adversários desde os primeiros minutos de jogo. Com um time repleto de jogadores experientes e vencedores em outras equipes, o Serra Negra, campeão da Série A de 2015, aguardou pacientemente por falhas do adversário, o que ocorreu no final da primeira etapa, quando após um vacilo do goleiro do Waguinho, o atacante Borel completou de cabeça para as redes e abriu o placar.

Precisando empatar o jogo, o Jardim Brasil se lançou inteiro ao ataque na segunda etapa, mas não conseguiu converter em oportunidades claras de gol sua maior posse de bola. Novamente paciente, o Serra Negra foi mortal em um novo contragolpe e viu novamente o atacante Borel balançar as redes e ampliar o marcador para 2 a 0.  No final do jogo, em bela cobrança de falta, Tiago descontou para o Jardim Brasil, que já não teve mais forças para reagir.

O placar garantiu o título da Copa dos Campeões pela primeira vez ao Serra Negra, que já foi finalista da competição em outras oportunidades. Além de bastante comemorado por atletas, comissão técnica e torcedores, a conquista ainda foi uma homenagem ao jogador Diguinho, que se recupera de um acidente no qual foi vítima no início do ano e não pôde acompanhar a equipe da qual é um dos líderes.

Curiosamente, o título pode ter sido a última partida oficial do Serra Negra no campeonato amador de Botucatu. A informação de que a equipe estaria considerando a possibilidade de não participar da Série A desse ano foi confirmada por atletas e dirigentes, e parece ser um caminho já definido. Além do elenco campeão, o Serra Negra mantém uma equipe B, que disputa a segunda divisão do Amador. 

Texto e imagens do jornalista Lucas Machado em especial para o Acontece Botucatu 

 

Veja a reportagem em vídeo na TV Acontece

 

Imagens: Lucas Machado