Clube Atlético Pinheiros pode trazer Complexo Aquático para Botucatu

Fotos: Valéria Cuter

Se for consolidado o projeto, Botucatu será referência mundial em natação. Isso porque foi iniciada na manhã desta quinta-feira na Prefeitura Municipal, as primeiras negociações para trazer ? Cidade o Complexo Aquático do Clube Atlético Pinheiros, de São Paulo.

Uma comitiva do clube paulista liderada pelo presidente Luiz Eduardo Dutra Rodrigues e o diretor de esportes aquáticos, Marcelo La Terza Santos, se reuniu com vários empresários da Cidade ligados a diferentes segmentos e com prefeito João Cury Neto. Também estiveram presentes o gerente de comunicação da Sabesp, Adriano Stringhini e o representante da Unesp, Sérgio Muller.

O projeto arquitetônico e funcional do Complexo foi apresentado pelo engenheiro da Prefeitura José Paulo, com orçamento de R$ 15 milhões. Vários locais serão avaliados para que possa alojar o Complexo com padrão internacional.

“Não vamos medir esforços para que Botucatu possa trazer o Parque Aquático e a primeiras tratativas foram bastante positivas. No que depender do Poder Público tudo faremos para trazer esse empreendimento esportivo para Botucatu”, colocou o prefeito João Cury.

O presidente do EC Pinheiros, Luiz Eduardo Dutra Rodrigues, se mostrou bastante interessado com o projeto e pelo fato da Cidade ter boas Universidades para que os atletas possam estudar.

“Nosso objetivo é tirar o Centro de Treinamentos da capital, mas teremos que escolher um local que seja adequado para dar toda estrutura que os atletas necessitam. Botucatu é uma cidade muito promissora e tem um projeto interessante. Vamos continuar as conversações para ver a possibilidade de um acordo”, disse Rodrigues. “A primeira impressão foi excelente”, emendou o presidente.