Botucatuense vence a Corrida do Trabalhador

Um bom número de atletas (110) se inscreveu para participar da Corrida do Trabalhador, que fez parte do cronograma de atividades da Festa dos Trabalhadores que está sendo realizada neste final de semana pelos sindicatos da cidade. Com largada e chegada no Espaço Cultural “Antônio Gabriel Marão”, os atletas percorreram 5 quilômetros e passaram por diversas ruas da cidade.

A melhor performance foi do fundista botucatuense Adriano Henrique D´Império, que cruzou a linha de chegada na primeira colocação. Esse atleta de 26 anos é considerado um dos melhores atletas de média e longa distância da região e tem no currículo várias conquistas em corridas de rua, onde se especializou.

Na segunda colocação, outro botucatuense: Jean Ricelli Liao, seguido de Manoel Carvalho Sobrinho, de Lençóis Paulista. Na quarta colocação outro lençoense: Benedito Francisco Ribeiro. Completou o pódio, o botucatuense Gilberto Aparecido Nunes, que chegou na 5ª colocação.

Depois da prova, Adriano D´Império, que pratica o atletismo há sete anos, revelou que desde a largada procurou manter um ritmo coordenado e planejado, já que conhecia o percurso. Ele assumiu a ponta já no primeiro quilômetro e se isolou dos demais corredores, não tendo a liderança ameaçada.

“Sabia que vinha alguns atletas de outras cidades, mas eu estava bem preparado e tinha a convicção de que poderia chegar entre os três primeiros. Nesses últimos três anos tive boa participação nessa prova: venci duas vezes e fui vice em uma. Estou feliz e motivado para participar de outras corridas”, comentou o fundista.

{n}Adolescente de 14 anos vence a prova no feminino{/n}

Já na categoria feminina a vencedora

{bimg:3216:alt=a4:bimg}

da prova foi a botucatuense Roberta Scolastrici, de 14 anos de idade, atleta que faz parte de um projeto de renovação do atletismo de Botucatu denominado “Atleta do Futuro” que tem na coordenação o “professor” Marildo José Barduco. Os atletas desenvolvem seus treinamentos na pista do Estádio Municipal João Roberto Pilan – Inca e vários já estão participando de diferentes competições pela região.

Competindo contra 20 atletas Roberta não teve dificuldade em percorrer os 5 quilômetros e cruzar a linha de chegada na primeira colocação. Conta que, para fazer uma boa corrida, procurou manter um ritmo constante, já que havia se preparado para esta prova e fez tudo aquilo que estava planejado.

“Hoje para conseguir bons resultados o atleta tem que estudar cada prova e ter uma estratégia de corrida. Foi isso que fiz. Agora vou buscar novos desafios e participar do maior número de provas possível. Estou começando no atletismo e meu objetivo é melhorar cada vez mais”, complementa a jovem atleta.

Completaram o pódio feminino: Thais Cristina, em segundo; Rafaela Guedes, em terceiro; Rosimeire Luchiari Paleari, em quarto e Dilma Aparecida Nunes Castilho, na quinta posição.

Fotos: Fernando Ribeiro