Botucatuense está na Seleção Brasileira de Kung Fu

Esporte tem o objetivo de trabalhar não apenas o corpo, mas também o desenvolvimento pessoal, criando  disciplina, persistência e respeito aos limites dos indivíduo

 

Ronaldo Fogueral,  botucatuense, atleta e professor de kung fu e tri campeão brasileiro garantiu sua vaga na seleção brasileira e sua convocação foi confirmada nesta quarta-feira através da lista divulgada pela entidade maior do  esporte no Brasil: , a Confederação Brasileira de Kung Fu Wushu (CBKW).

"O trabalho ano passado foi intenso,  com a preparação física e técnica, além da busca por patrocinadores.  Esse ano teremos ainda mais a se fazer, visando o Mundial na China em 2017. Estou em boas mãos para essa preparação e certamente um melhor resultado virá. Agradeço cada um que acompanha meus passos diários e de alguma maneira me incentivam a seguir em frente", – frisa Fogueral.

O kung fu se popularizou no final dos anos 60, pela repercussão dos filmes de artes marciais, estrelados por atores como Bruce Lee e Jackie Chan, além dos seriados na televisão. O kung fu tem o objetivo de trabalhar não apenas o corpo, mas também o desenvolvimento pessoal, criando  disciplina, persistência e respeito aos limites dos indivíduos; ele estrutura o corpo e a mente fazendo com que as pessoas aprendam a serem derrotas, e poder encarar novos obstáculos sem desistir ou desanimar.