Botucatuense comanda vitória do Ituano sobre a Portuguesa

O jogador botucatuense Clayson, que está defendendo as cores do Ituano na Copa do Brasil e está sendo sondado pelo Santos Futebol Clube,  foi o grande destaque da vitória contra a Portuguesa de Desportos em partida disputada no Estádio do Canindé, em São Paulo.

O duelo paulista que valia uma vaga na terceira fase da Copa do Brasil, foi definido somente nos últimos minutos de jogo. No jogo de ida, em Itu, houve empate por 1 a 1. Com o resultado o time do interior avança para a terceira fase e vai enfrentar o vencedor do confronto entre Goiás e Independente (PA).

 

O Jogo

Portuguesa chegou ao ataque no começo da partida, em jogada de Léo Costa, que passou por dois jogadores do Ituano antes de entregar a bola para Hugo tentar cara a cara com o goleiro, para Fábio fazer a defesa.

O jogo se mostrava equilibrado, com os dois times buscando o ataque, mas sem conseguir oportunidades para a finalização. A Portuguesa era o time a tentar mais a aproximação do campo defensivo, jogando para aproveitar o toque de bola.

Aos 41 minutos, o time da casa chegou novamente ao ataque no cruzamento de Fabinho Capixaba que Nayhlor não conseguiu cortar e que Hugo finalizou para mais uma defesa do goleiro do Ituano.

A Portuguesa pressionava, mas foi o Ituano a abrir o placar, aos 44 minutos, com Clayson, após receber dentro da área passe vindo da direita e bater rasteiro, com a bola batendo na trave antes de entrar na meta da Lusa.

O Ituano voltou para o segundo tempo buscando mais o ataque e a Portuguesa brigava para iniciar uma reação na partida. Aos 11 minutos, Betinho arriscou o chute e mandou a bola para fora.

Renan, aos 21, empatou a partida para a Portuguesa, aproveitando passe errado de jogador do Ituano para ficar com a bola e bater da entrada da área para fazer o gol de empate.

A Portuguesa aumentou a pressão na tentativa de virar o placar, ficando a posse de bola e buscando impedir a resposta do Ituano, que apostava em jogar no contra-ataque para surpreender o time da casa.

Aos 42, o Ituano teve pênalti marcado a seu favor quando em chute de Clayson, Valdomiro tocou com o braço na bola. Ronaldo foi para a cobrança e fez o segundo da equipe de Itu, gol que classificou os visitantes para a próxima fase.

 

Ficha técnica:

Portuguesa 1×2 Ituano
Portuguesa: Tom; Fabinho Capixaba, Valdomiro, Guilherme e Luan Peres (Michel); Renan, Betinho, Cleiton (Diego Gonçalves) e Léo Costa; Marcelinho e Hugo (Matheus Ortigoza). Técnico: Junior Lopes.
Ituano: Fábio; Dick, Leonardo Luiz, Naylhor e Peri (Zé Carlos); Jonatan Lima, Walfrido, Clayson e Cristian (Cristian); Ronaldo e Claudinho (Ricardinho). Técnico: Tarcísio Pugliese.
 

Gols: Clayson 44’ 1T e Ronaldo 43’ 2T (Ituano); Renan 21’ 2T (Portuguesa).
Cartões amarelos: Cleiton, Tom, Renan e Guilherme (Portuguesa); Dick, Jonatan Lima, Cristian, Clayson e Ronaldo (Ituano).

 

Divulgação