Botucatu recebe festival de aventura do Haka Race

Circuito Terra da Aventura - foto arquivo (2) (Custom)Quase 600 atletas de todo o Brasil deverão participar, neste sábado (20), do Festival Haka Race. Serão quatro provas de corrida de aventura, esporte que reúne diversas modalidades como trekking, bike e rapel, numa única competição [veja abaixo].

Os eventos terão largada e chegada na rampa de voo livre “Na Base da Nuvem”, onde será montada uma estrutura para receber os atletas e pessoas interessadas em assistir o evento.

Às 8 horas será dada a largada para a terceira etapa do Circuito Terra da Aventura, que reúne atletas da região num percurso total de 16 km.

A prova irá reunir as modalidades de trekking (4 km), mountain bike (12 km), rapel (20m) e water trekking (2 km).  Será dividida nas seguintes categorias: “Solo”, “Dupla Masculina”, “Dupla Feminina” e “Dupla Mista”.

Circuito Terra da Aventura - foto arquivo (3) (Custom)Na sequência, às 9 horas, terão início as duas provas mais longas, nas categorias Sport (35km) e Pró (50km). Elas deverão exigir muito preparo físico dos atletas, que enfrentarão os desafios da Cuesta botucatuense. A previsão é de que os atletas da Sport concluam a prova em cerca de cinco horas; já os da Pró deverão completar em aproximadamente sete horas.

O Circuito é uma realização da Prefeitura de Botucatu, por meio da Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo, Agência Ecocuesta e conta com apoio da empresa Haka Race.

 Infraestrutura e alimentação

Na rampa de voo livre, a partir das 10 horas, do sábado cerca de cinco food trucks estarão no local. Os participantes das provas, acompanhantes e o publico geral poderão desfrutar da estrutura do evento e curtir a paisagem. A entrada no local será gratuita.

 Turismo em Botucatu

A organização do festival Haka Race é resultado de uma parceria de quatro anos do circuito com a Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo, num esforço que tem contribuido para a divulgação de Botucatu como polo de turismo de aventura.

Desde a primeira prova, em 2013, já foram realizadas dez competições na Cidade, com cerca de 2 mil competidores, em etapas de 25 quilômetros a 200 quilômetros.

Circuito Terra da Aventura - foto arquivo (1) (Custom)Considerando o gasto médio por atleta, mais a participação de acompanhantes (amigos e familiares), o total gasto no fim de semana da prova deverá ser de cerca de R$ 1,8 milhão, incluindo hospedagem, alimentação e outros gastos.

“São recursos que deverão ajudar na cidade, estimulando ainda mais o turismo”, destaca o organizador do Haka Race, Leonardo Barbosa. “O feed back dos atletas em relação tanto às belezas da cidade quanto à infraestrutura tem sido o melhor possível”.

 Sobre as corridas de aventura

Criadas no início da década de 2000 na Nova Zelândia, as corridas de aventura são uma espécie de mistura de rally com triathlon e reúnem, numa mesma competição, mountain bike, corrida/trekking, rapel, modalidades aquáticas – caiaque ou boia cross, por exemplo -, e orientação por meio de bússolas e são bastante exigentes do ponto de vista de esforço físico.

Haka Race

20 de agosto – Botucatu

Rampa de voo livre – ‘Na Base da Nuvem’

Categorias

Pró: 50 km (mountain bike, trekking, water trekking, rapel)

Sport: 35 km (mountain bike, trekking, water trekking, rapel)

Terra da Aventura: 16 km (mountain bike, trekking, water trekking, rapel)

Prefeitura Municipal de Botucatu – Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo

Patrocínio: Volkswagen, Droga Raia, GJG.

Co-patrocínio: Toledo Ferrari, Kaylash, Du Pont Tyvek