Botucatu joga contra a Portuguesa precisando de goleada

Não será nada fácil a empreitada da equipe feminina da Associação Desportiva Botucatu (ADB) que disputa a fase das quartas de final do Campeonato Paulista da 1ª Divisão e joga na tarde deste domingo (26) a partir das 15 horas, a partida de volta contra Portuguesa de Desportos, no Estádio Dr. Acrísio Paes Cruz, da Associação Atlética Ferroviária (AAF), com entrada franca.

No primeiro jogo disputado no domingo passado, no Estádio Dr. Oswaldo Teixeira Duarte – Canindé, em São Paulo, a Portuguesa levou a melhor e venceu por 3 a 0 estabelecendo uma grande vantagem para o jogo em Botucatu. Com esse resultado poderá para passar ? próxima fase, podendo até perder por dois gols de diferença. Se Botucatu ganhar por 3 a 0 a partida será decidida nos pênaltis. Somente um resultado de mais de três gols de diferença leva a equipe botucatuense para a próxima fase.

Em São Paulo a equipe da Lusa fez seu primeiro gol aos 42 minutos do primeiro tempo, através da atacante Gracie. No primeiro minuto do segundo tempo a Portuguesa fez o segundo gol com a centroavante Rafaela e consolidou o marcador em 3 a 0, aos 32 minutos, com Aline.

Embora em grande desvantagem para a partida da volta, o técnico de Botucatu, professor Renato Moral, diz que nem tudo está perdido. “Como elas (da Portuguesa) conseguiram fazer um bom resultado em São Paulo, poderemos fazer o resultado em casa. Sabemos que é difícil, pois a Portuguesa tem uma boa equipe, mas não é impossível”, frisou Moral, que ainda não decidiu quais serão as 11 jogadoras que iniciarão a partida.

Este fase conta com oito equipes divididas em quatro grupos, com duas equipes em cada um: G4 (Botucatu e Portuguesa de Desportos); G5 (São José dos Campos e Francana); G6 (São Caetano e AD Centro Olímpico de São Paulo) e G7 (XV de Novembro de Piracicaba e Associação Rio Preto). Irão para a fase semifinal as campeãs de cada grupo que formarão os Grupos 8 e 9 com duas equipes cada, que jogarão entre si em partidas de ida e volta. As duas equipes vencedoras formam o Grupo 10 e decidem o título paulista da temporada de 2012.

Fotos: Valéria Cuter – arquivo