AAB reformula futsal para disputar o Paulista

As categorias de base de futsal da Associação Atlética Botucatuense (AAB) são conhecidas por formarem bons jogadores. Muitos deles já fizeram ou ainda fazem parte de seleções e de equipes de ponta pelo mundo. Os resultados obtidos em competições estaduais provam que a AAB, realmente, é um celeiro de craques.

As equipes menores da Veterana são constituídas por atletas “pratas da casa”, que quando chegam aos 16, 17 ou 18 sentem a necessidade de se transferiram para outras equipes. Infelizmente, há alguns anos, o clube não disputa competições da Federação Paulista de Futsal (FPFS) com uma equipe adulta, o que acaba acelerando o processo de transferências.

Da equipe sub-17 de 2013, terceira colocada no Paulista no passado e base para o sub-20 de 2014, restaram apenas três jogadores: Eduardo Paçoca, Matheus Fioreto e Matheus Henrique. Alguns “estouraram” a idade e outros foram contratados por outras equipes, principalmente o Grêmio Barueri. A equipe conta com os apoios da Prefeitura de Botucatu e Unifac.

Assim, a diretoria do Departamento teve que recorrer ao mercado para manter um time competitivo durante a temporada. A primeira competição do ano é o Estadual Série A-1, que se inicia no dia 21 de março para a AAB. Seis atletas já foram contratados. De Bebedouro, campeão do Paulista do Interior do ano passado vieram os reforços Leonardo Gabriel, Marcou Aurélio e Roger Godói. Wesley Justo e Leonardo Alves defenderam Pindamonhangaba e Thiago Bruno veio de Caieiras. Outras contratações não estão descartadas.

A reformulada equipe iniciou os treinamentos no início de fevereiro. “É um time em formação, mas espero que esteja pronto para a temporada”, explica o técnico e coordenador técnico do futsal da AAB, professor Pedro Dias. O Estadual é uma competição difícil, a mais importante do Estado e vai reunir clubes como o Corinthians, São Paulo e Santos. No ano passado, a Veterana não fez uma boa campanha e não passou da fase de classificação. “Espero que classifiquemos para a segunda fase para que possamos ter tempo de ajustar esse time”, revela Pedro.